5 truques de estilo para quem trabalha em casa!

11:29

Essa é a melhor definição do ~estilo~ da maioria das pessoas que trabalham em casa: mendiga. Eu trabalho em casa. Diariamente sou eu e meu computador forever alone. E por isso é bem normal que eu trabalhe um dia inteiro de camisola velha e cabelo nojento e só perceba meu estado quando preciso sair de casa correndo pra resolver alguma coisa na rua e me olho ao espelho naquele estado deplorável.

Em vários blogs de moda vocês vão encontrar dicas de como se vestir bem para o trabalho, para uma entrevista de emprego, como usar a moda a favor da imagem que queremos passar para as pessoas, mas raramente nos importamos com o que vestimos quando ninguém está vendo. 

É ÓBVIO, que é uma delícia poder trabalhar de pijama, que é mesmo muito libertador não seguir nenhuma regra de beleza imposta socialmente mas, e aqui eu falo por mim, eu me tornei uma pessoa muito mais desleixada quando passei a trabalhar de casa. Uma ressalva: ninguém precisa se preocupar com estética, mas EU CAROLINA, gosto e me preocupo, portanto, me incomodei com a negligência estética (palavras bonitas pra dizer que eu pareço um traste kkkkkk) que eu adquiri trabalhando sozinha entre quatro paredes.

E por que este assunto hoje, Carolina? Porque esta semana recebi o moço que veio instalar o gás no ap novo. O cara da net que veio instalar a net, a moça que veio limpar as coisas...em todas as situações eu fui obrigada a CORRER pra vestir algo decente e não receber as pessoas de pijama. E foi aí que eu pensei: "caramba, eu preciso começar a me vestir assim que acordo, igual a todo mundo! Não dá pra esperar uma necessidade, pra ficar digna." Não me sinto bem em estar sempre maltrapilha e resolvi parar com isso.

Agora é beleza todo dia! kkkkkkkk Mas como ficar bela, trabalhadora e do lar, com muito conforto? Com aquela sensação de estar trabalhando de pijaminha??? Selecionei algumas inspirações pra compartilhar com vocês dicas de estilo que são muito úteis para a ~montação~ de quem trabalha em casa. Vejam só:


Vamos aproveitar que estamos no ~inverno~ pra poder abusar bastante desse tipo de peça! Quase nada no mundo é tão confortável quanto usar moletom ou tricô e se ele for assim, oversized, melhor ainda. É tipo um moletom-vestido. Além da praticidade de usar apenas uma peça, o look é charmoso do mesmo jeito e tem muito cara de pijama. 

Tá ~a maior moda~ esses pullovers grandões e, se fosse um pouquinho mais frio aqui no Rio, acho que eu compraria um só de zuêra. Na falta de um frio digno de Winterfell (entendedores, entenderão), o maximoletom é uma aposta boa. Apenas amei esse look e agora estou obcecada também por esse cabelo e esse tênis.


Peguei referências de um estilo bem minimalista para compor as inspirações deste post, mas vocês podem adaptar as ideias ao próprio estilo. Todas as opções de look ficam igualmente lindas em tecidos estampados, com texturas, com bolinhas, com badges, enfim!

Seguindo essa ideia de fazer um look de trabalhar em casa com apenas uma peça, eu escolhi essa referência aí: um vestidão bem amplo, super prático e alinhado. O comprimento dele é uma coisa importante: ele não é curto (coisa curta sempre causa um desconfortozinho), nem é longo (tem aquela praticidade de não pisar, não arrastar, não entalar em canto nenhum). Aliás, esse comprimento midi/longuete é minha paixão. Sinônimo de conforto extremo em todos os sentidos. Mais um modelo que entra na lista de "estou de camisolão, mas tô apresentável".


Gente, esquece trabalhar em casa de calça jeans! Calça jeans ou qualquer outro tecido plano nunca vai ser tão confortável de usar quanto uma calça de elastano. O babado mesmo é encontrar calças de tecidos bem molinhos, que não amassam muito, como malha e moletom. Já falei desses dois tecidos aí em cima, mas é sempre bom reiterar, porque malha e moletom são MUITO confortáveis. E olha como fica um charme essa calça despojadinha com a regata de malha? Achei muito digno. Se você tiver uma reunião de emergência na rua, é só colocar um blazer por cima e um scarpin. Tudo certo. Ninguém vai nem sonhar que você estava em casa, trabalhando no sofá.

Ainda preciso encontrar a calça de moletom dos sonhos da minha vida. Sempre vejo umas com cara de roupa de academia dos anos 80, mas assim que eu encontrar uma mais arrumadinha, vou comprar com certeza. 


Usei o look que estou vestindo hoje, agora mesmo, para falar sobre outra dica: sobreposições! No calor fica difícil ser feliz sobrepondo roupas, mas agora que já deu uma esfriada, é tranquilo colocar um tantinho de roupa a mais, seja um casaquinho, um colete ou até um lenço, pra dar aquela bossa. 

Hoje eu resolvi vestir um vestido todo de malha canelada (conforto) e coloquei esse cardigan longo pra deixar o look mais "sofisticado" (conforto e quentinho). As duas peças são básicas, mas mesmo assim renderam um comentário da minha vizinha: "nossa como você está chique hoje!" Duas peças de roupa e uma botinha e eu fiquei "chique". Até da hora de comprar uma peça básica, é legal termos em consideração o quão "descoladex" ela pode ficar num look, né? Pra não virar apenas mais uma roupinha-pano-de-chão que a gente nunca usa. 


Entendo que pantufas e chinelos são legais pra trabalhar em casa. Também entendo que tem gente que não curte usar sapato dentro de casa pra não sujar demais, não trazer nojeira da rua. Aliás, acho isso muito correto e higiênico mesmo. Mas não sei por que, eu sempre fui acostumada a andar com sapato dentro de casa. :/ Uó né? Mas uso e sempre aposto em tênis e sandálias ou botinhas.

A questão é: quando eu não ando com algum sapato (tênis, bota, seja o que for), eu ando descalça e meu pé vive sujo. É impressionante como não consigo ficar com o pé no chinelo. Por isso tenho montado looks completos para trabalhar em casa e, assim que organizar meu novo lar, invisto num par de pantufas mais apropriadas e numa sapateira para deixar o sapato perto da porta, e usar só na hora de sair.

Portanto, gente, é o seguinte: trabalhar em casa de pijama, com a desculpa de que nada no mundo é mais confortável que isso, é uma falácia! kkkkkkkkk A gente pode sim, usar peças muito confortáveis para trabalhar em home office e ainda assim ter um ar profissional. Isso é bom não só para o espelho, como também para nos motivar no trabalho. Eu percebo (e sei que isso é efeito meramente psicológico) que quanto mais eu me arrumo pra trabalhar (tem dias que eu até coloco maquiagem!), mais eu consigo ficar focada no trabalho e esquecer que estou em casa e que poderia estar assistindo Netflix. O cérebro e seus mistérios.

Alguém aqui trabalha em casa? Vocês se arrumam ou se jogam às traças mesmo? hahahaha

You Might Also Like

17 comentários

  1. Você conhece a Hering For You, marca da Hering de roupas confortáveis e estilosinhas? Deve ter a calça de moletom que você quer.

    ResponderEliminar
  2. Gostei do assunto que você levantou!

    Já li sobre isso em uns blogs gringos, que se vestir como se fosse sair pra ir a um escritório realmente ajuda com a produtividade, seu cérebro entende como "tá, se você tá colocando roupa é sério, tá na hora de trabalhar". E concordo! Quando me visto me dá mais vontade de produzir algo em vez de assistir a uma série...

    Minha mãe e irmã que moram comigo acham uó eu ficar vestida "direito" dentro de casa. E eu brava porque sempre sou eu quem tem que atender à porta! Hahaha

    Agora além de me vestir direito tenho que concretizar a ideia de gerar dinheiro aqui de casa, por enquanto tô desempregada e não consegui monetizar meu trabalho ainda...

    ResponderEliminar
  3. Minha situação tá complicada, até porque eu estou sem trabalho mesmo, então, estou em casa e estudando (tentando terminar um TCC). Bom, sem trabalho e estudando em casa...já viu, né?! rs.
    Essa situação de sair correndo pra me arrumar ~leia-se trocar de roupa~ quando alguém toca a campainha é corriqueira aqui em casa. Eu SEMPRE estou usando trapos e descabelada, aí só me resta correr pra me trocar e ainda atendo a porta me desculpando pela demora pois estava no banheiro! kkkkkkkkkkkkkk.
    Realmente, quando eu saia de casa todos os dias para trabalhar, sempre estava com as unhas e sobrancelhas feitas e cabelo limpo e arrumado, já agora...só a derrota!Tenho que rever isso, de repente funciona pra mim como funcionou pra você e eu até me animo mais pra estudar, né?! :D

    Beijos, Carol!

    ResponderEliminar
  4. Maaaaravilhoso esse post, Carol! :)

    Sou fotógrafa e durante a semana é normalmente assim, a roupa que acordo ficava com ela até a eternidade hahahaha mas tenho me policiado pra ficar menos mendiga porque é triste mesmo se olhar no espelho ou atender o carteiro bunitan de pijama.

    Obrigada pelas dicas. Compartilhei na página do meu blog que dou dicas para fotógrafos, porque eu acredito que muitos passem pela mesma situação e precisam desse help (lê-se salvação hahahaha). beijo!

    ResponderEliminar
  5. Meu Deus!
    Só quem trabalha em casa sabe como é essa desgraça que é alguém tocar o interfone e ter que correr para se trocar!
    Tento me vestir decentemente para trabalhar pois me sinto melhor quando estou mais bem vestida porém morro de preguiça e acabo ficando no look mendiga mesmo.
    O cabelo então é outro tormento! Sempre num coque podrinho com a cara podrinha sem nenhuma make pra variar rsrs
    Amo seu blog Carol!
    Bjos à todas mendigas trabalhadoras do lar! rs

    ResponderEliminar
  6. Carooool, entendo demais e vivo tendo essa converso comigo... Não dá para viver de pijama e pantufa! Mas que são mto tentadores... ah, são!
    Tem dias q a preguiça de tirar o pijama está grande, aí para e penso: "pensa que o marido é uma visita, pesa que o gato é uma visita, pensa que a planta é um cliente,... E vc n recebe visitas maltrapilha, né!"
    Mas todas as dicas foram excelentes e sempre coloco na prática itens semelhantes e funciona mtoooo!
    Parabéns!!!

    ResponderEliminar
  7. Adorei as dicas Carol! E depois de tanta inspiração que você tem me dado, desde desapegar e rever minhas roupas, bijus e sapatos, estou em uma fase total conforto. E trabalhar em casa já organizada vai facilitar muito minha vida de professora, que trabalha em casa e corre para a faculdade ;*

    ResponderEliminar
  8. Essa foto que vc postou sua eu viria trabalhar com ela de boas na agencia hahahahaha
    Qd eu trabalhava em casa era: short jeans + camisetinha + chinela. Moro em Natal e nada de sobreposições de nada todos os dias, é calorão na nuca. Basicamente impraticável usar peça de moleton aq =/

    ResponderEliminar
  9. Hahaha muito bom! Eu não trabalho em casa mas se trabalhasse ia ser tentador mesmo! Eu já vi umas calças de moletom bem bonitinhas de modelagem mais fit na loja online da Hering, dá uma olhada Carol! Quase comprei uma. Ah, e sobre andar de sapato em casa: antes eu andava muito descalça e meu pé ficava muito sujo, mas confesso, sinto falta hoje (de andar descalça, não do pé sujo =P ) Não ando mais descalça, mas só de não entrar em casa com sapato sujo e deixar ele na porta, o chão já fica beeeem mais limpo, dá até pra arriscar ir de meia daqui até ali uma vez ou outra rsrs

    www.simpleness.com.br

    ResponderEliminar
  10. Carol, você é o máximo. Cada dia que passa gosto mais de você e dos seus posts. No meu caso ainda estou estudando e, as vezes, dou aulas particulares. Minha mãe sempre me falava pra trocar de roupa e me arrumar para mim, ainda que não tenha que fazer nada. E concordo, o pijama nos dá a sensação que vamos ficar o dia inteiro atoas etc. e diminiu a produtividade, aumenta a preguiça. Acho super válidas suas dicas. Espero que continue com posts tão inspiradores. :)

    ResponderEliminar
  11. Carol, trabalho de casa e também passo o mesmo perrengue! Sempre que aparece alguém me visto correndo, mesmo que seja alguém da familia. Pq imagino que a pessoa vai me julgar por estar de pijama "aquela hora", seja ela qual for... hahaha

    Quem sabe seu post salva minha dignidade. Vou me esforçar! hahaha

    Bjao

    ResponderEliminar
  12. Carol, que post MARAVILHOSO!!! Acompanho seu blog há muuuuuuuuuito tempo, mas é a primeira vez que comento.

    Comecei a trabalhar em casa esse ano e vivo dizendo que preciso ficar mais, como diz minha avó, "aprumada" rs. Nos primeiros dias eu tava super empolgada e já deixava o look separado pro dia seguinte. Mas, com a desculpa do conforto, acabei me apegando às "roupas de casa" (leia-se mulambinhos kkkkk) e é fato que minha produtividade diminuiu; como trabalho com números, fica mais fácil mensurar (a partir do segundo mês tem sido uma correria pra conseguir fechar os relatórios até o dia 30!). O tal do psicológico é imoral mesmo...
    Vendo suas inspirações já consegui pensar em algumas peças que tenho no armário e vou colocar em prática amanhã mesmo. Obrigada! =*

    ResponderEliminar
  13. Então, Carol, que assunto necessário!heheh..minha função é back office, mas as vezes trabalho de casa..como eu trabalho em um escritório super moderno e chique aqui no Centro do Rio mesmo (ed.Ventura,dá uma bizoiada só) quando estou de casa..eu sou mendiga nível mil..ao extremo..não tomo banho quando acordo..não troco de roupa...me alimento e escovo os dentes (que fique registrado haha)! Acho que aproveito a não obrigatoriedade de nadaaa e a total ausência de sensura! Como não é todo dia, acho saudável e não me faz mal! Moro com a mamãe..se alguém bate na porta ela abre e se recebo vídeo conference nego na cara hahaha bjs!

    ResponderEliminar
  14. Bá, Carol! Sempre que vejo alguém de calçado em casa (tênis, bota, sandália) penso nas novelas que a mulherada da sempre de salto dentro de casa, kkk
    Eu ainda não trabalho em casa - quem sabe um dia - mas até pra vir pro trabalho to meio mendiga
    :( tava numa fase bem bonitinha e agora relaxei. Isso que não posso trabalhar "feia". Trabalho com moda e preciso tá sempre apresentável hahaah

    Beeijos, Paloma!

    ResponderEliminar
  15. No meu caso, quando eu trabalhava em casa, o sapato era essencial, principalmente para me manter sentada com a postura correta. Se ficar de chinelo, logo o chinelinho sai do pé e logo os pés estão sobre a cadeira, em todas as variações possíveis da postura de "indiozinho" e logo está doendo a lombar, o quadril, o ciático.... um terror! Rs.... :)

    ResponderEliminar
  16. Anónimo6.6.16

    Faz essa calça de moletom muso para Prosa???? Acho que vender muito, e é tão dificil de achar.

    ResponderEliminar
  17. Anónimo22.7.16

    Vou comentar como anônimo porque tô doida pra falar e num tô conseguindo logar no Google. Ó que coisa!
    Pra começar Carol, amo seu jeito bem humorado de falar as coisas. Hahahaha' a gente sabe que é psicológico mesmo, mas e daí? É o psicológico que mantém a gente bem pra ser a gente até nessas horas.
    Segundo: melhores posts e dicas de looks eu encontrei no seu blog. Como cê tem essa loja divônica eu sempre penso que cê sabe mesmo do que tá falando. E também porque seu jeito é mó daora. Cê trás uma leveza pra situação e não só joga o look aqui e sai andando. A intenção, a verdade e o amor são perceptíveis e isso é lindo! (Inclusive, é nisso que eu me inspiro. Quero que as pessoas vejam esse amor todo no que tô fazendo.)

    Parabéns pelo blog, pelas dicas, pela loja, e por ser linda assim, porque ôoo muié bonita.

    www.nattanymartins.com.br

    ResponderEliminar

Subscribe