Um diário de vida, viagens e estilo.

Crônica de provador: Chapéu de Blogueira

janeiro 16, 2016
"Tem uma menina ali com chapéu de blogueira, você viu?" Foi dessa observação que nasceu este post. Em pleno pagode (à noite) numa galeteria da Tijuca, uma moça usava um chapéu de blogueira. Não fosse o fato de ser de noite, numa galeteria, escutando pagode e vestindo body de oncinha com short jeans, o chapéu teria total pertinência já que, mais do que um acessório de moda, ele é um indicador de estado de espírito de um ser humano. Mas como assim? Passo a explicar.

Você talvez não saiba, mas existe um chapéu de blogueira. Uma peça muito utilizada nos mais diversos perfis dedicados ao estilo diário de mulheres mundo a fora. O chapéu não é qualquer um. É floppy, maleável, de feltro, que te deixa com cara de parisiense-hippie-pobre-s0vaco-cabeludo-cujos-pais-tem-muito-dinheiro-e-portanto-você-é-rica. E, claro, você é limpinha, tomada banho e maquiada. O cabelo no sovaco é ironia. O chapéu de blogueira é a materialização do espírito Janis Joplin de curtir a vida com muita intensidade, good vibes, paz&amor nos dedinhos e dinheiro no bolso, que você não demonstra que tem, mas tem e se não tiver parece que tem, mesmo que o chapéu custe apenas 8 dólares do Aliexpress.  O chapéu de blogueira não é só um acessório de moda amplamente democratizado nas redes sociais, é também um statement de algumas características psicológicas que definem o joi-de-vivre de quem o veste: muita felicidade, muita #gratidão e um punhado de olhar misterioso que se desvela sob as abas flexíveis do feltro e para bem ali, diante das câmeras.

O chapéu de blogueira pode vir em diversas cores: nudes e caramelos estão na preferência das bloggers mais felizes, praianas, musas do biquini com shortinho; vinho e preto (comprei um de cada) estão no top 10 das blogueiras góticas-suave, que amam uma foto p&b e desfilam suas cabeças intelectuais por museus com arte de qualidade duvidosa, usando saia longa e top cropped. Nenhuma é infeliz dentro de um floppy hat, mesmo morando no Brasil, onde é praticamente impossível ser feliz com o cérebro assando dentro de um chapéu de feltro. A infelicidade não tem vez, aqui, não com um floppy hatFloppy hat é a guloseima da moda. A última jujuba no pacote. O must-dress do seu look do dia. Além de ser ótimo para esconder uma raiz sem retoque do cabelo, ou disfarçar seu olhar cansado, ou pagar de misteriosa nas redes, este chapéu também exala uma aura de alegria que transforma nosso olhar diante
das câmerasdo mundo, ainda que nossos olhos estejam cobertos pelas tais abas maleáveis. E por toda essa magnificência, eu, como blogueira, achei que devia usá-lo hoje por que perdi meu guarda-chuva, está chovendo fino e eu encontrei uma nova função para essas tremendas abas.



Vestido: Marina Morena | Cardigan: Zara (acho que foi R$ 99 | Bolsa: C&A, R$ 99 | Botas: Stradivarius, presente da irmã | Chapéu: eBay, uns 8 dólares kkkk

8 comentários on "Crônica de provador: Chapéu de Blogueira"
  1. AMEI, AMEI FORTE ESSE TEXTO!!! AHAHAHA
    acho lindo esse chapeu, já tive a oportunidade de comprar ele assim na minha mãozinha
    mas no final desisti pensando "onde eu usaria isso?? eu nem uso chapeu"
    bem, talvez por isso eu ando meio na bad, pq deixei essa oportunidade de felicidade passar hahaha
    ah, amei o look

    bjs

    ResponderEliminar
  2. Carol, menina...ah como queria esbarrar contigo por aí por esse Rio de Janeiro de meu Deus, te dar um abraço e falar: tu é irônica pra cacete e eu adoro teus textos kkkkkkkkkkk

    Adoro a forma como ele fica nas fotos, essa sua foto mesmo ficou maravilhosa de simples e bonita, tipo as tiaras de flores....mas aonde eu iria com isso? kkkkkkkkk Bem de blogueira mesmo, foi lá ...bateu a foto e páh: chapéu de blogueira.....essa foi a melhor de todas!
    bjs

    ResponderEliminar
  3. QUE TEXTO MARAVILHOSO HAHAHHAHAHA eu ri muito, amei as definições, principalmente a "parisiense-hippie-pobre-s0vaco-cabeludo-cujos-pais-tem-muito-dinheiro-e-portanto-você-é-rica" e "Nenhuma é infeliz dentro de um floppy hat" auhshaushsuas
    Eu confesso que esse hat não faz muito o MEU estilo, me considero mais romântica. Mas eu acho ele lindo, caiu super bem em você também!!
    O preto é o que mais agrada, mas o nude tbm tem sua vez no meu coração <3 <3
    Enfim, adorei o texto no tom divertido!!

    Beijão,
    Ella J.

    ResponderEliminar
  4. clara22.1.16

    nossa, acho esse chapéu cafonérrimo!!! kkkk

    ResponderEliminar
  5. Bárbara24.1.16

    Carool, adoro o seu blog gata!!!
    Você tem personalidade e atitude!! Amo o seus looks...e falando neles, você pretende quandooooo fazer seu bazar??
    hahaha
    estou economizando só para me esbaldar nele!!!!
    beeeeeijo

    ResponderEliminar
  6. Adorei o texto, você é maravilhosaa!!! Admiro muito seu trabalho, parabéns Carol <333

    ResponderEliminar
  7. Amei o texto! E tá ai uma ótima utilidade para o chapéu ahahaha

    Beijos e até mais,
    Jayane Fereguetti
    www.ulalahmundo.com

    ResponderEliminar

Auto Post Signature

Auto Post  Signature