drops de fim de semana: amor na terra

14:14

Foi assim: sexta-feira saí do calor senegalês do Rio de Janeiro, pra Recife. Cheguei tarde da noite e a cidade repousava silenciosa e amena. 26 graus com brisa leve. Dormi sem ventilador e já acordei com cheirinho de café de vovó e sorvete de abacate com leite condensado.

Se por um lado eu adoro o Rio de Janeiro e não me imagino fora daqui, por outro, ir a Recife sempre me dá a certeza de que eu tenho um porto seguro, na beira do mar, pra voltar na hora que eu quiser. Eu sou meio ovelha desgarrada por toda minha história de vida e sei administrar a saudade melhor que a maioria das pessoas, mas família é sempre família e faz falta né? Desde setembro do ano passado eu não pisava na terrinha e, eita coisa boa que foi retornar ao ninho. :)

sendo hipster na praia. hehehehe

1) Recife andava meio chuvosa e prometeu até chuva, mas no sábado de manhã abriu o maior sol e eu aproveitei pra ir à praia com a amiga-pra-sempre Karina. Ficamos pouco tempo, mas foi o suficiente pra umas risadas e algumas fotos!! Nem preciso dizer que a água de côco do Nordeste é infinitamente melhor né? Fresquinha, docinha e o moço da barraca (gratuita, risos) ainda abre o côco na hora, pra gente comer aquela carninha que vem dentro. Que delíciaaaaa!!!

Essa é uma das grandes vantagens da beira mar Nordestina: "trabalhamos com côcos abertos no facão!" Só algumas barracas na orla da zona sul do Rio é que oferecem esse tipo de serviço sensacional. Fora que em Boa Viagem, na Barraca Mastigando (onde eu costumo ficar), as cadeiras e ombrelones são...DE GRAÇA. Isso é amor gente. 

bebi uma água mineral por R$ 1,50. Aqui no Rio a média é de R$ 3 uma garrafinha. hehehe

2) Saí da praia e aproveitei o sol pra matar as saudades de um dos meus lugares preferidos de Recife: o Mercado de São José. O mercado é super antigo e tradicional e, pasmem, foi o primeiro mercado público do Brasil, então o bichinho tem muita história. Adoro o clima do mercado. Os vendedores tem chamam de "amor" e perguntam se podem te ajudar, sorrindo. 

Falo isso, por que essa é uma das grandes lacunas do Rio de Janeiro, uma cidade tão turística e tão bonita com serviços e atendimento que deixam muito a desejar. Então quando eu vou a Recife, a sensação que eu tenho é que, não importa a função, da moça que limpa banheiro, ao gerente de um restaurante, as pessoas são mais felizes, educadas e gentis.

Contudo, tenho pena de Recife ser uma cidade negligenciada pelo próprio povo. A imundície do centro me dá dó e mais do que culpa da prefeitura, a sujeira da cidade é culpa da falta de educação das pessoas. Não vem de berço essa consciência coletiva de "todo mundo é responsável" e a cidade acaba padecendo de uma infinidade de lugares bonitos que são podres e mal cuidados. 

Ainda assim é inegável que o Mercado de São José tem sua beleza pitoresca preservada pelo tempo.


3) O sol acabou, mas minha energia não! hehehehe Do passeio no centro, voltei pra casa pra me atualizar das prévias carnavalescas da cidade. Pena que não me programei antes pra curtir o Eu Acho É Pouco, mas minha noite foi salva pelos queridos amigos Marquinhos, David e Manoel. São amigos do meu ex que eu, espertamente, herdei. Por que os amores vão e as amizades ficam! Uma turma divertida dessas, não dá pra abrir mão. hehehehe

Fomos pro Chutando o Balde e lá eu chutei mesmo. Chutei algumas caipiroskas pra dentro do meu estômago, dancei pra caramba todos os sucessos de Psirico kkkkkkkkk e fechei meu sábado com chave de ouro! Muitaaaa divers ão e risadas mais do que garantidas!! Cheguei em casa ressacada, sem nem saber meu nome. huahauahua


4) Depois de recobrar a consciência e integridade física pós-bloco, reservei o domingo para uma tarefa sagrada e milenar: visitar a vovó. Domingo é de praxe passar na casa de vovó pra comer bolo com café, inhame com queijo coalho e mousse de maracujá. A parte mais legal é que mamãe foi junto comigo pra Recife. Pra quem não sabe, essa avó da foto é a mãe do meu pai. hehehehe Mas minha família paterna e materna se mistura de um jeito que parece não ter divisão. A coisa que mais nos une com certeza é o sorriso. 

Preciso dizer que esse momento é a melhor coisa do mundo? Não né? Nessas horas me bate um aperto do peito, uma vontade de me juntar ao bando de novo e resgatar aquilo que o Rio de Janeiro nunca vai poder me dar: colo.

Beijos, Carols

You Might Also Like

9 comentários

  1. Carol, eu sou fã sua e do seu trabalho como ilustradora, blogueira (o que eu acredito que não seja um trabalho), fotógrafa, publicitária, e a sua pessoa. A sua pessoa em encanta, o seu blog me encanta e é um dos únicos que eu acompanho a anos. Você é "gente como a gente", sabe?! Trabalha, estuda, corre atrás de realizar os sonhos, economiza, gasta, cria, recria, refaz, se desfaz, curte, descansa... E tudo de um jeito tão legal que dá vontade de fazer igual.

    E hoje você falou da sua ida ao Nordeste. Acredite, eu moro em Salvador, e não não me parece ser muito diferente do que você diz ser Recife. São cidades lindas, cheias de encantos e belezas, mas que a prefeitura, bem como (e principalmente) o seu povo não cuida, não valoriza, não ama como deveria.

    E vc curtiu o Lepo Lepo, hein?! Por aqui é só o que se houve e com certeza deverá ser a música do carnaval desse ano. Hahaha!!! E falando em carnaval, já passei tantos anos aqui em Salvador, que não tenho mais saco nem paciência pra tanta miséria disfarçada de folia... Queria muito ir ao Rio ou a Recife esse ano. Enfim... é isso.

    Beijos,

    Mariana.

    ResponderEliminar
  2. Amiga vc devia ter passado em Olinda belas fotos
    amei o post realmente o final de semana deu uma refrescada.
    tenha uma semana abençoada.
    Blog: http://arrasandonobatomvermelho.blogspot.com.br

    ResponderEliminar
  3. lindissimaaaa!
    e que cara de felicidadeeeee <3
    adoro!

    beeeijo
    http://www.tastemycloset.com/

    ResponderEliminar
  4. Que deliiii, sempre quis conhecer o Recife, você levou muita sorte de nascer em uma terra tão maravilhosa né?
    :*

    ResponderEliminar
  5. amo esses drops!
    e dá uma olhada no que meu baby(baiano,só podia né?) anda aprontando!
    http://www.youtube.com/watch?v=t3yYdePCh7c

    ResponderEliminar
  6. Que lindo, carol! olha, eu acompanho teu blog e vibro com cada post, de verdade! Moro só aqui em Recife, minha família mora em Natal-RN mas, apesar da pequena distância(4hr de viagem) vou pouco por lá e quando rolam esses encontros é maravilhoso. Meus pais, irmãos, sobrinhos estiveram em casa nesse final de semana, é um colo, carinho, sorriso, abraço, conversa,,, que enche o coração de alegria, e os olhos de lágrimas qd vão embora, sou "desapegada"...mas não troco esse amor por nada nesse mundo!

    bjão

    ResponderEliminar
  7. Carol só posso dizer uma coisa: você brilha menina!!! Até mesmo o seu blog exala felicidade, simplicidade, poesia, realidade. Adoro demais!!!!

    ResponderEliminar
  8. Anónimo17.2.14

    Voçé é a blogger mais adorável que existe :)

    Besitos desde España.

    ResponderEliminar

Subscribe