coração despido

18:32


São seis horas da tarde e da minha janela eu vejo uma árvore imensa balançando com o vento. Vem chuva por aí. Na cidade maravilhosa a vida continua agitando as ruas e eu não sei bem para onde ir. Pela primeira vez na vida meus planos foram interrompidos não por vontade própria, mas por mais uma dessas peças do destino, que nos fazem pensar que deve haver algum motivo glorioso para mais uma derrota.

Há um mês saí do trabalho que me trouxe ao Rio de Janeiro. Apesar de ser uma coisa que eu já previa que pudesse acontecer (porque a estrutura da agência aqui no Rio não justificava ter sequer uma equipe de criação), ainda assim fui pega de surpresa. Foi um ano de muito trabalho e aprendizado (que eu descrevo neste texto aqui), que acabou de repente. Eu poderia ir para São Paulo, e começar uma nova vida, de novo, num novo lugar, porque lá eu conheço tanta gente e tenho tantos amigos, que seria esse o destino mais óbvio e talvez mais interessante, profissionalmente.

Mas o que aconteceu foi surpreendente e eu escrevo isto com aquele nó na garganta, de quem quer chorar. Sem pieguices, nem dramas. Eu não quero sair daqui. Eu quero e vou pagar o preço que for para permanecer na cidade que mais me fez crescer na vida. Estar sempre sozinha, sem ter com quem contar, te transforma numa pessoa capaz de enfrentar quase tudo. Eu não sei sequer explicar a dimensão de vida que esse último ano me deu. Seria incapaz de fazer alguém compreender essa transformação, mas sei que muita gente a percebe. O Rio de Janeiro tem sido um presente doloroso em muitos aspectos, mas um presente, ainda assim. O Rio foi o lugar que me ensinou a ser só e conviver com isso, ir ao cinema sozinha, ir à praia sozinha, sentar num bar sozinha e não ligar para a ausência de pessoas, já que a minha mente está sempre tão cheia.

Mas essa ausência pesa, quando você olha para um lado e para o outro e percebe que, mesmo que precise, não tem muito com quem contar. Eu vou fazendo contatos aqui e ali, mas tudo complica quando você simplesmente não conhece ninguém. Será que esse é o momento de virar o jogo? De tentar algo novo? De migrar para um novo projeto, uma nova aventura? O incerto é um desconforto no peito, mas uma pausa para pensar. Do outro lado da linha meu pai me pede para voltar pra casa: "Volte, minha filha. Volte pra sua família que está em Recife. Sua avó sente tanto a sua falta." Que dor, que dó, mas não dá. Vovó chora no telefone. Que angústia.

Minha mãe amou o Rio de Janeiro e se esse é o único jeito dela voltar para perto de mim, é aqui que eu vou ficar. Amo a minha cidade. Amo a minha família e minhas amigas, mas infelizmente minha cidade não me dá a vida mais segura e tranquila que eu quero pra mim. Tudo seria mais fácil por lá e talvez eu não escrevesse esse texto tão honesto. Mas e quem disse que o fácil é o caminho mais interessante? Eu quero andar para a frente. Sempre em frente. Sempre fazendo algo novo, mesmo estando aqui, o lugar que hoje é a minha casa.

Eu não sei o que vai acontecer nos dias que virão. Não sei bem como recomeçar e esse coração sem bússola sente lá as suas dores. Não sei pra que lado eu vou me virar. No momento eu sou aquela pessoa que para, com o guarda-chuva aberto, bem no meio da calçada, e fica alheia a quem passa apressado pra lá e pra cá. O vento sopra muito forte, derruba os galhos na frente da minha casa, quebra as varetas do meu guarda-chuva, faz a chuva molhar meu rosto inteiro, deixa meus pés ensopados e frios, mas não me tira do lugar.

Há 3 anos este é um blog de "moda" onde eu vivo e visto meu corpo todos os dias, me exponho como num diário sem cadeado, para o bem e para o mal, me coloco numa berlinda onde me apontam o dedo ou me abrem os braços. Mas tem dias que eu não consigo me vestir de nada. Em vez disso, eu tento despir a única coisa que, em mim, é impossível cobrir com qualquer adereço: o coração.

Vamos lá.

Beijos, Carols

You Might Also Like

152 comentários

  1. Anónimo5.4.13

    Boa sorte, Carol Burgo.

    ResponderEliminar
  2. Que coisa linda, fia.
    Vai dar tudo certo pra tu.
    Certeza disso.

    ResponderEliminar
  3. Denise5.4.13

    Engoli seco....

    ResponderEliminar
  4. É linda a forma como vc se desnuda. Te acompanho a algum tempo e tenho certeza que, como a um ano atras, voce novamente dará a volta por cima, e sairá mais firme, mais forte e com os looks ainda mais a sua cara.
    Parabéns por tentar e que Deus te abençoe!

    Kênia Potratz

    ResponderEliminar
  5. Que coisa bonita,Carol! Torço muito por você, sucesso!!

    ResponderEliminar
  6. Deve estar tudo meio confuso agora, mas estou torcendo que o melhor aconteça para você. Por mais que a gente perceba que esse tipo de mudança está prestes a acontecer, quando chega a hora dói! Já passei por isso, mas no meu caso tive que deixar a cidade em que estava porque não havia opção de trabalho. Estou no Rio há seis anos e não penso em ir embora. Faça a sua parte, o que for melhor para você vai acontecer. Bjo

    ResponderEliminar
  7. Anónimo5.4.13

    Boa sorte em tudo. Boa novas serem viram a tona

    ResponderEliminar
  8. Anónimo5.4.13

    Há pouco tempo tive a feliz surpresa de conhecer vc e o small e encontrar vc trouxe para a minha vida um novo olhar,uma nova pespectiva,uma nova coragem que a muito eu não sentia e isso eu nunca vou ter palavras suficientes para te agradecer,espreo que agora vc encontre essa coragem dentro de vc tb...

    ResponderEliminar
  9. Soraya Souza5.4.13

    Carol, essa é a 2a vez que escrevo no seu blog, o único de moda que acompanho e que me afeta mais por todo o resto que você traz para cá além da moda (ainda terei uma ilustra sua pertinho de mim). E escrevo porque hoje seu texto me afetou muito.

    Há pouco mais de 3 anos vivo em Belém, onde vim fazer um doutorado que não sei se vou terminar. Não sei se vou porque não sei se quero. E não sei se quero porque ele me empata de fazer o que eu realmente gostaria, que é viver a cidade, crescer no certo isolamento que ela me impõe (sou casada e tenho uma pirra de 2 anos, mas minha família e amigos estão a milhares de km daqui), intervir no realidade dela, curtir as pessoas daqui.

    O mais fácil? Correr para onde estão os contatos, várias possibilidades de trabalho e auxílio para a conclusão da tese, gente para cuidar da menina. Mas esse não é o caminho mais interessante. Não é ele o que eu quero.

    E, mesmo não tendo a liberdade que você tem, me senti encorajada pela sua coragem de se jogar no seu difícil e incerto querer. Ficarei na torcida sincera para que você encontre seu prumo (e eu o meu) e fique bem.

    Abraço (de quem vem aqui de braços abertos pra você), Soraya

    ResponderEliminar
  10. Own, Carol, eu que sou libriana e dependente de pessoas, não consigo imaginar como é mudar sua vida toda pra ficar sozinha..
    Mas saiba que vc tem mtas leitoras do Rio que adorariam te conhecer e te fazer companhia a qq momento! Me incluo nessa ;)

    E tenho certeza q vc vai dar a volta por cima! Não desista, pq o Rio está te fazendo mto bem!

    Beijão.

    ResponderEliminar
  11. Anónimo5.4.13

    o texto fica mais bonito ainda quando a gente consegue sentir toda a sua emoção.
    BOA SORTE CAROL ;)

    ResponderEliminar
  12. Denise5.4.13

    você é muito guerreira!!! Tudo vai dar certo!

    ResponderEliminar
  13. Garota, quando eu "crescer" quero ser tão guerreira quanto você!

    ResponderEliminar
  14. Carol, te desejar toda sorte do mundo é pouco. Sorte, sabedoria e saúde serve?
    Teu blog - e esse texto em particular - acaba se conectando com muitas coisas que eu vou passar ainda esse ano e que vão me levar pra longe de casa. Espero que tudo fique bem. Prás duas.

    ResponderEliminar
  15. Que texto lindo! Você é sucesso na certa, Carol Burgo. ;)

    ResponderEliminar
  16. Boa sorte, Carol. Recife de fato é difícil, como recifense e comunicadora, sei bem. Estar longe deve ser um bocado pesado, mas lembra dessa paisagem linda que tem ai, dessa vida incrível de livre, saudável e cheia de coisas novas, incluindo o desafio. Levanta, sacode a poeira ou a chuva e dá a volta por cima. ;)

    ResponderEliminar
  17. Meio que meu deu o mesmo nó na garganta. Angústia de ler algumas partes de seu desabafo. E se desejar funciona, desejo muita sorte Carol e principalmente perseverança que já sabemos que você tem, pro recomeço. Pro sucesso! Sempre!!!
    Você é muito linda em todos os aspectos, espero um dia poder conviver com você nem q sejam por minutos, pra te conhecer. Você está aí só, mas pode ter certeza que não estará nunca realmente só, pq msm à distancia teus amigos, e nós tuas leitoras (fããs) estaremos ao teu lado!

    ResponderEliminar
  18. Chorando no onibus por sua causa, Carol... Td isso será brilhantemente superado... Vc é d+! Boa sorte!

    ResponderEliminar
  19. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  20. É doido essa relação de nunca ter te conhecido, mas te entender perfeitamente. E ficar aqui escrevendo elogios e frases de apoio pra quem a gente não conhece...haha! de qualquer forma acompanhei o blog quando você estava chegando no Rio. Estive no Rio e fiquei uma semana sozinha lá por conta dos meus estudos que são parte principal da minha vida. Vivi o lado bonito da cidade (a zona sul), mas, me senti muito bem sozinha aí, numa paz, acolhida pelas pessoas. Já tive a experiência de sair de casa pra estudar e "começar" de novo há alguns quilometros da minha cidade, enfim, nada é comparado ao que você passar, mas sinto que te entendo.

    Só te desejo boas vibrações e muita força de vontade para você se encontrar, realizar o que espera da vida. Pra frente, como você mesmo diz, acho que é desse nível mesmo!

    beijos.

    ResponderEliminar
  21. Carol,
    Coisas boas acontecem a pessoas boas. Tudo isso que tá acontecendo na sua vida tem um propósito, um maravilhoso propósito. Espero que essas palavras se tornem realidade imediata, e eu possa aqui dizer de peito e sorriso aberto dizer: eu já sabia!
    Beijos

    ResponderEliminar
  22. Carol,
    Coisas boas acontecem às pessoas boas. E como tudo na vida tem um propósito, espero que milhões de portas e janelas se abram pra ti, e eu possa voltar ao blog e dizer: eu já sabia!
    Beijos

    ResponderEliminar
  23. Boa sorte na vida ... Precisar conte com agente!!
    Vc é cheia de pessoas q te admiram , sozinha Carolzinha nunca estará!!

    ResponderEliminar
  24. Nunca respondi aqui, mais te acompanho a cerca de 2 anos, e vim te dizer vc nunca estará sozinha estar cercada de pessoas que te admiram !
    Conte conosco, pequenas fãs dessa imensidão de Carol , que existe!!
    Beijos Toda sorte do mundo p vc!!

    ResponderEliminar
  25. Anónimo5.4.13

    Fooooooorçaaaaa Carol :)

    ResponderEliminar
  26. Liiiindo texto!
    Sei bem o que é o destino te pregar uma peça. Já fiz belos planos de viver meus sonhos, já bati o pé, lutei e luto muito por eles, mas tem horas que as coisas fogem do nosso controle.
    Hoje vivencio essa mesma sensação que você descreve. Sei como é difícil e complicado lutar por nossos sonhos, por viver a vida onde a gente se encaixa, principalmente quando esse lugar é longe da família e de muitos amigos queridos.
    É difícil, mas uma hora ou outra as coisas devem se ajeitar. Tenhamos fé e continuemos lutando por aquilo que almejamos!

    ResponderEliminar
  27. Anónimo5.4.13

    Minhas energias positivas estão sendo enviadas pra vc!
    Maravilhosa a sua sinceridade, que é transmitida em palavras, sua força e coragem para enfrentar o medo aí!
    Que Deus te ilumine da sua decisão, suas leitoras estarão aqui sempre!
    Obrigada por nos presentear com o blog!
    beijos

    ResponderEliminar
  28. Carol

    Acho que nunca comentei...mas há tempos que precisava dizer: VOCÊ ESCREVE MUITO BEM! É um grande prazer ler as suas postagens, é um nivel muito acima da maioria dos blogs que existem por aí (muita menina bonita, mas os textos dão medo).

    Muita sorte para você! Talento você tem de sobra, vai se dar bem com certeza. Se quiser vir para a minha terra da garoa, será muito bem vinda (confesso que adoraria ver looks mais urbanos hehe). Beijão

    ResponderEliminar
  29. carol te desejo muita forza e sabedoria para que voce encontre o seu caminho querida!!! quem dera eu morasse no rio para te receber na minha casa e t ajudar no que pudesse!!
    um abraco apertado e um beijo!!!

    ResponderEliminar
  30. Anónimo5.4.13

    Carol, acompanho teu blog desde 2010 e nunca escrevi aqui. O engraçado é que sempre me identifiquei com muita coisa mesmo antes de você se mudar para o Rio, e de repente, mais uma identificação, você se mudou para o Rio... No começo de 2011 fui morar em São Paulo, antes morava na Paraíba, e passei por péssimos momentos, e depois via você relatando aqui e ali suas experiências, e muita coisa coincidia. Passaram-se 2 anos de MUITA mudança nos meus dias, na minha realidade, tanta dificuldade nessa onda de não conhecer ninguém, de não ter ninguém pra contar, que esse ano, com muita felicidade eu me mudei para Recife (tua cidade), tô mais perto da minha família, voltei a me sentir gente, a ser alguém... Longe da família parece que nada "vinga", eu era do tipo que invejava ver amigas andando juntas e dando risada, sofria de não ter ninguém pra fazer qualquer passeio, já que cada um em SP vive na sua zona, ficava difícil um encontro fora da universidade e trabalho, pedia pra morrer nos finais de semana quando sabia que tava todo mundo comendo da galinha guisada da casa de vovó, e agora que eu tô de volta, eu vejo que perdi os últimos dias de lucidez de vovó, perdi o crescimento dos filhotes das minhas primas, perdi de acompanhar os problemas que meus pais tiveram que enfrentar... Não tem coisa melhor do que se sentir em casa, escutar o bom dia sem chiado, falar uma língua que te entendem, não se sentir turista apesar de estar morar na cidade. Desejo muita sorte para que consiga o que quer, realmente é uma super decisão insistir quando as coisas não andam tão bem, "mai tu é forte que só a gota" e vai dar conta! Um xero!!

    ResponderEliminar
  31. Raquel Condulo5.4.13

    Carolzinha, tenho lágrimas nos olhos enquanto escrevo... Amo o seu blog, te acompanho desde 2011, não fico uma semana sequer sem dar uma espiadinha "no que a Carol tá aprontando agora". Talvez por ser geminiana, me atrai muito sua criatividade e a forma leve e divertida com que vc se expressa. Eu te admiro demais pela coragem de ir para uma cidade tão distante da sua sozinha, e não consigo imaginar o que é ficar longe da família e dos amigos...Mas eu SEI que vc vai dar um jeito e vou torcer muito para que tome as decisões corretas. Tem muita gente que gosta de vc e isso cria uma energia positiva que o universo não pode ignorar. Força, girl!

    ResponderEliminar
  32. Tudo de melhor pra vc! Quem tem essa boa intenção na alma, tem quase tudo! Força, sorte!

    ResponderEliminar
  33. Oi Carol, força, viu!
    Também não sou do Rio mas moro aqui há 8 anos e sei a dor e a delícia q é viver nessa cidade!
    Me adiciona no face! Camilla Haubrich
    Beijos

    ResponderEliminar
  34. Anónimo5.4.13

    Ai Carol... Acho o seguinte, se é profissão vá pra Sampa, se é solidão volte pra Recife. O Rio é lindo, mas feriado tem de monte pra você viajar. Não é derrota, foi uma fase de crescimento extremo, um ciclo que pode ter se encerrado. Te acompanho desde 2010, você é muito decidida, e esforçada, e inteligente, e linda... Mas acho que o Rio tem algo mais que você não quer contar, certeza que não tem outro motivo maior que te prenda aí? O ex ainda está por aí? As vezes temos que colocar um fim em histórias para que se conheçam novos lugares, novas pessoas, novos amores... Esqueça esse sentimento de derrota ok? Sinta sua veia rockeira pulsando e grite a la Gun's and Roses: LIVE AND LET DIE!!!! Te admiro muito, sua linda!

    ResponderEliminar
  35. Emily5.4.13

    Carol,seu texto me emocionou e me mostrou que precisamos buscar ter forças em meio as nossas decisões.Esse ano para mim,é um ano de muitas decisões,ultimo ano no colégio e aquela pressão toda em cima de mim referente a que profissão irei seguir.Ainda não sei,não tenho minima ideia,e quando alguem tenta ajudar e pergunta: O que vc gosta de fazer? em que vc se da bem? Isso aperta meu coração,meu maior medo é não conseguir ser bem sucessida, e eu me vejo sozinha sem saber pra onde ir.Vim pra São Paulo há 2 anos atras, morava na Bahia,só eu sei a saudade que sinto,mas não voltaria pra lá, aqui eu cresci, aqui eu aprendir que a gnt tem que se virar,sozinha,e conheci pessoas que conquistaram meu coração. E por fim,chego a concluir queo que importa é o nosso presente,o que a gnt ta vivendo aqui,agora,da valor a quem ta com a gnt em meio a dificuldade e o futuro será consequencias de nossas decisões tomadas no hoje!
    te admiro muito! Forças !
    bjos

    ResponderEliminar
  36. Pow Carol você escreve tão bem, que dá até vontade de chorar viu. Força pra vc!!! Sou sua fã desde sempre, amo esse blog que já faz parte do meu dia e tenho certeza que vai dar tudo certo. FÉ
    Um xero grande...
    Nione Cavalcanti

    ResponderEliminar
  37. Pow Carol você escreve tão bem, que lendo este texto deu até vontade de chorar viu. Oxi, fique tranquila que vai dar tudo certo. Adoro esse blog, venho aqui todos os dias, afinal de contas, ele já faz parte do minha vida. Fica firme visse.Fé...
    Um xero
    Nione Cavalcanti

    ResponderEliminar
  38. Carol,
    Lindo texto como sempre! Uma pessoa tão talentosa brilha em qualquer lugar! E se vc escolheu o Rio, que assim seja!
    As vezes a vida dá uma sacudida na gente e não adianta espernear! Deixe-se ser sacudida e aceite o que vai vir! Com tanta energia positiva só pode vir coisa boa! Permita-se 10, 15 dias para desintoxicar, se ouvir e entrar no seu ritmo, não esmoreça! As coisas boas vão acontecer!
    E como ninguém vive de vento, já pensou em revender a Maria Morena aqui?
    Bjs
    Anna

    ResponderEliminar
  39. Anónimo5.4.13

    Carol, estou torcendo pra que tudo dê certo, independente de voltar ou ficar..faça o que seu coração manda! Grande Beijo..Maria Gabriela

    ResponderEliminar
  40. Ana Machado5.4.13

    Carol, é a primeira vez que comento em qualquer tipo de blog, mas queria te dar parabéns por conseguir ser tão sincera, e admitir que passa por uma fase difícil ainda assim sem perder o alto astral e bom humor que todo mundo que lê seu blog tem certeza que te pertence, sem ter vergonha de contrariar essa ''ditadura da felicidade'' e confessar que as vezes é difícil! Até porque a gente sabe que é difícil pra todo mundo! Boa sorte, tenho certeza que com esse seu espírito bem resolvido e personalidade tão interessante ( a gente lê o blog e sente que te conhece hehehe) vai atrair muita coisa boa pra tua vida! Tudo de melhor, continue escrevendo e postando esses looks mara!!

    ResponderEliminar
  41. Sabe, confesso que acompanho o blog a bastante tempo, acho que é o único blog de moda com o qual realmente criei um vínculo, talvez pela simplicidade das postagens, pela sinceridade, pelos looks que eu consigo copiar mesmo com meu pobre guarda-roupas (claro que num nível bem inferior... rs), mas o que mais me atrai é a sua história, essa coisa de estar hoje aqui e amanhã lá, a mobilidade, a liberdade, a força de caminhar sozinha. Talvez tudo isso me encante tanto porque sou o oposto, sou presinha ao meu lugar, relacionamento sério, família por perto, faculdade de Direito, o que não tem absolutamente N-A-D-A de criativo, mas mesmo assim, pessoas como você me inspiram a buscar lá no fundinho, a liberdade, a criatividade que há em mim. Admiro muito o seu trabalho, e torço para que, quaisquer que sejam suas decisões daqui pra frente, que te levem a coisas novas e aprendizados que você sempre compartilha que acabam se tornando nossos também. (:

    ResponderEliminar
  42. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  43. Sabe, confesso que acompanho o blog a bastante tempo, acho que é o único blog de moda com o qual realmente criei um vínculo, talvez pela simplicidade das postagens, pela sinceridade, pelos looks que eu consigo copiar mesmo com meu pobre guarda-roupas (claro que num nível bem inferior... rs), mas o que mais me atrai é a sua história, essa coisa de estar hoje aqui e amanhã lá, a mobilidade, a liberdade, a força de caminhar sozinha. Talvez tudo isso me encante tanto porque sou o oposto, sou presinha ao meu lugar, relacionamento sério, família por perto, faculdade de Direito, o que não tem absolutamente N-A-D-A de criativo, mas mesmo assim, pessoas como você me inspiram a buscar lá no fundinho, a liberdade, a criatividade que há em mim. Admiro muito o seu trabalho, e torço para que, quaisquer que sejam suas decisões daqui pra frente, que te levem a coisas novas e aprendizados que você sempre compartilha que acabam se tornando nossos também. (:

    ResponderEliminar
  44. força carol!confia em Deus que vai da tudo certo!!gosto muito do seu blog e sinto que apesar de não nos conhecermos eu gosto muito de você!vai da tudo certo,bola pra frente!!!beijão

    ResponderEliminar
  45. ô amiga, tu já tem uma família aqui e não sabe, bem pequena, minúscula, mas que em breve vai crescer e fincar raízes aqui. É aquela fase difícil e incerta que todo começo traz, mas vamos superar, pq um talento desses não se perde, e a gente não insistiria se não soubesse que vai dar certo :)

    ResponderEliminar
  46. Carol, torcendo mto para logo aparecer uma ótima oportunidade para vc aqui no Rio.
    Sinta-se abraçada :)
    Bjs

    ResponderEliminar
  47. Babs5.4.13

    É estranho como alguém que sequer conheço é uma fonte de inspiração tão presente na minha vida... não somente pelo estilo, mas também por sua histórias e causos. Posso dizer que sou sua fã, Carols e te desejo muita felicidade na vida.

    ResponderEliminar
  48. Diana Paschoal5.4.13

    Que texto lindo Carol. Você consegue fazer todos pararem para refletir.
    Muitas pessoas passam por barreiras e não se abrem e você, nesse momento tão particular, conta para todos o que você sente.
    Adimiro-te pela coragem e sinceridade.
    Saibas que es uma guia para muitas leitoras.
    Torço que as coisas se resolvam, mas o mais importante é seguir seu coração.
    Boa sorte! Beijos.

    ResponderEliminar
  49. Carol, boa sorte em sua caminhada. É com as experiencias mais dolorosas e dificeis que aprendemos.
    E se não é isso em nossas vidas não crescemos.
    Beijos
    www.casapraquetequero.com.br

    ResponderEliminar
  50. Anónimo5.4.13

    Fiquei muito emocionada com seu desabafo,pois foi meu também!!Vivi uma situação muito parecida,é horrível a angustia de não saber se devemos ficar,ou voltar para o seio familiar,a cabeça quer uma coisa,o coração outra,adoeci,fiquei um mês sem dormir direito,apenas 4 horas por noite,meu cabelo caiu,pele pipocou de espinhas,nível de stress altíssimo,nossa...optei por ficar,mesmo não tendo 100%de certeza!Vc é maravilhosa Carol,saiba que seus desabafos ajudam muita gente,desde a primeira vez que li o "sobre mim" que você se tornou um um pouco,um norte pra que eu pudesse me segurar,pq vejo me vc fortaleza e coragem,coisas que tenho poucas.E essa sua sinceridade,nos encoraja a espelharmos em vocÊ!Quero ver sua volta por cima para eu me inspirar e ver a minha!Obrigada pela sua verdade,saiba que precisamos muito dela,e claro de vc também!Conte conosco!Bjss :)

    ResponderEliminar
  51. Carol a vida sempre nos proporciona esses desafios, temos que agradecer por eles existirem, nos fazem amadurecer em muitos aspectos. Acho que quando você acredita em algo deve sempre investir nisto, pode ser que não dê certo, pode ser que este seja o caminho mais complicado, pode ser que te julguem e que você fique dias com lágrimas escorrendo dos olhos. Mas tenha certeza e eu sei que você sabe disso: NADA É MAIS GRATIFICANTE DO QUE TERMINAR UMA BATALHA! Tente sim, corra atrás daquilo que você quer, escute o seu coração, se em algum momento sentir que precisa parar e se reorganizar faça isto, sem medo e se despindo de qualquer orgulho, afinal não somos donos do mundo. Tudo tem o tempo certo para acontecer.... espero que a vida seja generosa contigo e que ficando ou não no Rio você esteja feliz. Afinal a felicidade não depende do lugar em que estamos, pois, ela sempre caminha conosco!
    Com carinho
    Jaque!

    ResponderEliminar
  52. Poxa, nessas horas eu queria prever o futuro pra poder te mostrar o caminho certo, mas talvez nem haja um caminho certo. Queria te dar um conselho que fosse realmente ajudar, que coisa! Não sei do futuro, mas sei que você parece ser o tipo de pessoa que não foge à luta, então com certeza vai dar tudo certo.
    Receba de mim e dessas pessoinhas todas bons pensamentos e siga em frente.

    ResponderEliminar
  53. Carol, acredito que a tua fé e tua criatividade vão te fazer seguir em frente da melhor forma. Admiro tua coragem e tua energia. Tô te mandando boas vibrações direto de Olinda! Abração.

    ResponderEliminar
  54. Anónimo5.4.13

    Carol te desejo toda felicidade!
    Tem 2 anos que olho todos os dias o seu blog, sou mais uma retirante nordestina que veio para Brasília estudar e passei no vestibular para Santa Catarina e vivi como você aprendi a viver só agora voltei para Brasília e a cada dia que passa ganho força para crescer quando estou triste para e peço a Deus para mostra meu caminho.Tenho seu BLOG como roteiro para minha vida seus textos me da mais força de vontade para lutar e crescer.
    Nega não desiste do seus sonhos pois as obras mais difíceis Deus deixou para os corajosos.E você é corajosa vai conseguir!!! Bjs saudade

    ResponderEliminar
  55. Anónimo5.4.13

    Carol,

    primeiro, como você escreve bem! quem sabe devia investir nisso?
    Lembro que há pouco tempo atrás a Marina Smith, do 2Beauty passou por uma demissão e estava sem chão. Eu e várias leitoras dela diziam que tudo ia dar certo, era esperar que sua hora ia chegar! até que tudo esta melhor do que ela podia imaginar, mil oportunidades bateram na porta dela, projetos que saíram da gaveta.
    Digo o mesmo para você: a sua hora vai chegar, seja no Rio ou em qualquer lugar do mundo. Você é talentosa e inteligente, o seu potencial vai ser reconhecido. E se nada sair como você imagina, enxuga as lágrimas e vai à luta. Torço muito por você minha xará e conterrânea.
    Carol

    ResponderEliminar
  56. Deus é Pai... Estarei orando pela sua vitória! Força sempre... Bjos

    ResponderEliminar
  57. Anónimo5.4.13

    Realmente, você escreve muito bem!!
    E nossa, eu acho que sei o que está sentindo, estou com os dias contados para o término do meu mestrado. Uma eterna dúvida se volto pra casa da minha mãe (e fico a mercê dos comentários maldosos dos meus familiares que acham que porque sou graduada existe emprego em cada esquina, e sou eu quem não quero trabalhar) ou passo fome na cidade onde fui estudar, até arrumar um emprego!! Não é nada fácil, mas as coisas se resolvem!!
    Pelo que acompanho, você é uma mulher de fibra, muito esforçada e inteligente, e tudo isso sempre é recompensado. Logo tudo entrará nos eixos novamente, seja com você estando no Rio como em qualquer outro lugar.
    Força na peruca minha querida, tudo vai se encaixar!!
    Beijão!!
    Tati

    ResponderEliminar
  58. Ai, que emocionante!!
    Escrever esse texto já mostra o quanto você é corajosa, e é com essa coragem que você vai superar isso tudo, que você vai se reinventar mais uma vez!
    Acompanho teu blog a um tempo, adoro seus looks e, principalmente, como você escreve. Tô na torcida aqui viu, boa sorte! #carolcorajosa #carolguerreira #caroldanoavoltaporcima
    Bjo!!!

    ResponderEliminar
  59. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  60. Nunca me identifiquei tanto com um texto como o seu, Carol. Há 4 anos que voltei pro Rio de Janeiro depois de anos morando com meus pais no interior. Foi forçado, durante uma tragédia familiar, eu tava sozinha e não tinha eira nem beira. A cidade era pequena demais pro tamanho do sonho de dar certo, eu tinha feito 18 anos tinha sei lá, dois meses, e depender dos outros foi um inferno. Até que fui bem acolhida por meu tio aqui no RJ, enfrentei fobia de adar no meio do monte de pessoas no Centro, as dificuldades do primeiro emprego, a vontade de fazer faculdade... quatro anos depois preciso dizer que ainda tô caminhando pra que tudo dê certo, mas tanta coisa mudou, perdi e ganhei tanto (em vários sentidos), que não me vejo fora daqui. Fiquei sem meus amigos e até hoje não fiz nenhum por aqui, talvez medo, talvez desleixo, eu não sei. Mas sim, a nossa cabeça é tão cheia que amigos em volta seriam uma confusão maior. Mas você é corajosa e determinada, e quem tem isso não precisa de mais nada além de ter fé em si mesma e em Deus. E vai dar tudo certo! Aprendi com as derrotas da vida que se perdemos aqui ganhamos muito mais ali adiante. Pode demorar, mas pra Deus não existe tempo. Então entregue a Ele, confie, receba, aceite e agradeça. Você tem muito a ganhar e será muito feliz no seu objetivo! Beijo!

    ResponderEliminar
  61. Anónimo5.4.13

    Carolzinha, essa é a primeira vez que escrevo no blog. Descobri você a cerca de um ano e desde então sempre me pergunto, o que a Carolzinha estará aprontando? E venho aqui te visitar rotineiramente. Adoro a sua criatividade!
    Tenho certeza que as coisas se encaixarão, você tem talento, inteligência, força e disposição para fazer as coisas darem certo. Estarei
    mentalizando sucesso para você e aproveito para te repassar um trechinho da Bíblia que é o meu preferido: "Em tudo dai graças, porque esta é a vontade de Deus em Cristo Jesus para convosco." Confia sempre, Carolzinha, faça a sua parte e tudo se resolverá! bjs! Kátia

    ResponderEliminar
  62. Engraçado você sentir que está sozinha, eu sinto que estou com você ao meu lado todo dia... Já segui sugestões de lugares, de arranjos de roupas, de filosofia de vida, de decoração...

    E mesmo que você saísse do Rio! Era aqui no Rio que ia sempre continuar, dentro do meu laptop, no bairro do Flamengo, Rio de Janeiro, CEP 22210-040!

    Carol, tenho um filho mais velho que você, acho, ele tem 31. Te adoro! Eu posso ser sua mãe, quer? Beijos!

    ResponderEliminar
  63. Ow Carol...

    Já disse algumas poucas vezes por aqui que adoro seus looks, mas gosto ainda mais dos seus textos de desabafo e reflexão. Obrigada por compartilhar com a gente sentimentos que são tão próximos dos que muitas vezes também sentimos (falo no plural, pois faço coro aos comentários acima).
    Te desejo firmeza e resistência! =*

    ResponderEliminar
  64. Boa sorte, Carol, vai dar tudo certo :)

    ResponderEliminar
  65. Te conheço a apenas uns três dias. Pouco tempo, né? Comecei a ler seu blog do início e fui andando prá trás. Depois fui lá pro final e estou voltando. Estou agora em dezembro de 2011. Você ainda mora no Recife. Sua mãe ainda não veio te visitar. Você ainda se equilibra em saltos altíssimos. Não sei ao certo o que tanto me atraiu no seu blog. O que sei é que fico encantada com seus looks, sua criatividade, seu jeito cativante de escrever. E a cada a dia acompanho um pouco de sua trajetória. Seu texto hoje, me deixou completamente emocionada. Sabe, não sou uma pessoa de fé ou crenças seja em Deus, no destino ou no universo. Mas, acredito na força que há em cada um de nós. No poder que temos de transformar nossa vida e as pessoas à nossa volta. E eu acredito em você! No seu poder, na sua força. Então, bora conquistar esta cidade? Bora conseguir tudo o que você merece? Menina, se você foi capaz de fazer com que pessoas que nunca te viram, se preocupem, torçam por você e desejem a sua felicidade, o que você não será capaz de fazer? O Rio de Janeiro tá no papo!
    Te desejo muita força, coragem e saúde. O resto você conquista.

    Um beijo grande!

    Rosana

    ResponderEliminar
  66. Querida Carol (chará rs), sou sua leitora tem pouco tempo e tô amando o blog, seu jeito de escrever, seu carisma. De cara já me identifiquei contigo porque sou estudante de publicidade, gosto de fazer desenhos e me divertir entre livros e artes. E ao contrário de ti, sou uma carioca morando longe da terrinha, estou em Goiânia, cidade linda que me acolheu mas sinto muita falta do Rio, mesmo. Essa alegria intensa misturada ao calor e vida agitada, tudo é muito marcante aí. E por estar longe há tanto tempo, quando vou visitar parentes no rio, me sinto estrangeira em minha própria terra, sim, porque busco aproveitar ao máximo cada minuto que passo aí, ao menos para mim, tudo é muito marcante, passear por Ipanema, pelo Leblon, ver tantas belezas, tantos lugares pra conhecer, misturados ao astral da cidade, que torna pequeno qualquer problema que seja, como o calor e a correria. Assim como você, queria ter essa oportunidade de poder morar no Rio. Sei que você não me conhece, mas quer saber? siga seu coração! coloca os prós e contras tudo numa balança imaginária e veja o que mais compensa. Mas como uma carioca saudosa eu faria tudo como você, voltar seria o último caso, quando não houvesse mais chances. E mesmo assim pensaria, rs. Se nada der certo, ok, mas você terá em sua bagagem cultural um rico aprendizado, muitas lembranças e histórias pra contar que renderão muitos sorrisos. Enfim, sorry pelo meu comment gigante mas aqui vão as palavras de uma pessoa que aprendeu a te admirar. Beijos!

    ResponderEliminar
  67. Anónimo6.4.13

    Carol eu te admiro muito, por ser tão honesta por aqui.
    Te digo uma coisa, siga seu coração, faça tudo o que puder para ser feliz da sua maneira, nao abaixe a cabeça, faça por vc, lute, e agradeça por tudo e pela nova oportunidade de continuar.
    Me identifiquei com seu texto de alguma forma, tbm me encontro perdida nesse momento, pois perdi meu namorado de 7 anos em um acidente de carro a 20 dias, sei que nao deveria contar isso aqui, nao é da sua conta certo..mas olha existe sempre algo pior, então faça o que tiver de fazer para ser feliz hoje, agora!
    Beijo, estou torcendo para que tudo dê certo para vc.

    ResponderEliminar
  68. Anónimo6.4.13

    Olá,
    O que dizer diante desse relato sincero? veja quantas pessoas se emocionaram e estão torcendo por você! mas neste momento que você esta passando, é bom mesmo que esteja só, pois ninguém pode acertar ou errar por você, apesar da sua família e de seus amigos, Há escolhas e decisões que só você pode tomar.
    Mais em cima, em um comentário, uma leitora diz: "quem dera saber o futuro para te mostrar o caminho ceto", como seria fácil se alguém realmente tivesse esse poder... eu não tenho, mas você tem! não de prever o futuro, mas de torná-lo do jeito que você quiser, pois o que plantamos hoje, colheremos amanhã.
    Só tenho uma coisa a te dizer (e já era pra ter dito), você não precisa se sentir sozinha, pois existe um Deus... é Ele existe, e não estou falando de deus das histórias, mas de um DEUS que é verdadeiro, que te ouve e responde, de um Deus vivo, que está aí perto de você, só aguardando você chamar. Ele é o único que pode nos salvar! quando estamos com Ele, não precisamos de mais nada e de mais ninguém, porque Ele é a Direção, Ele é a Força, Ele é o meu Senhor Jesus!!! Você é uma pessoa de coragem e sincera, e Deus se agrada de pessoas assim, faz Dele o seu parceiro, entrega a sua vida a Ele e seja muito feliz!!! Que ao ler essa mensagem você receba força e paz, que o meu Deus te abençoe!!! #EUSOUUNIVERSAL

    ResponderEliminar
  69. Afrodite6.4.13

    Nossa, Carol... Achava que tudo estava lindo para vc no Rio (vide meu cometario no ultimo post!), mas a vida tem dessas surpresas, as vezes, desagradaveis. E olha, posso dizer que VAI APARECER um cargo em criacao mais interessante em uma agencia melhor pq vc suas pecas sao otimas, babo quando vejo aqui no blog! Va entregando curriculos, investindo nos seus contatos. Entendo totalmente que vc nao queira se mudar. Estudo Publicidade e o caminho mais obvio eh Sampa, mas vc escolheu o Rio e eh mais dificil mesmo, mas nao impossivel. Vc disse que ano passado foi um ano diferente e que ate o que vc nao queria pra sua vida aconteceu e vou te contar uma coisa. Em 2013 tambem vao aparecer dificuldades, assim como em 2014, 15... Voce eh talentosa, posso afirmar. Chore, chore e chore. Te fara bem. Depois procure o que te faz prender a essa cidade. Eh o 'novo' que te faz querer permanecer aih? Seja qual for o motivo, agarre-o que ele te darah forcas para seguir em frente e logo aparecera algo que caiba como uma luva em voce! Torco por vc! Beijos

    ResponderEliminar
  70. Anónimo6.4.13

    Carol,

    Lendo seu texto me lembrei da letra de uma música da Xuxa que dizia assim: "tudo pode ser, se quiser será, sonho sempre vem pra quem sonhar, tudo pode ser, só basta acreditar, tudo que tiver que ser, será"! E eu acredito que o melhor vai acontecer porque vc é muito talentosa! Acredite e siga em frente sim porque Deus estará sempre com vc, pronto a te estender a mão!

    Eu sou carioca e morei a vida toda no RJ com meus pais, mas há pouco mais de 5 anos, aceitei uma transferência para SP, depois uma para BA e hoje estou em SC e o tanto que aprendi em cada uma dessas mudanças, não tem preço. Amadureci, aprendi a ser uma boa companhia para mim mesma,
    conheci um monte de gente, fiz amigos para a vida toda, chorei de saudade, de tristeza, de alegria.

    Uma coisa eu posso te dizer, nossas escolhas traçam o nosso caminho e nos fazem ser quem somos, faz parte do nosso crescimento. A todo tempo você vai se questionar se fez a escolha certa, mas se vc foi fiel aos seus sonhos, vc vai saber que certa ou errada foi a melhor decisão que já foi tomada.

    Desejo-lhe muito sucesso!

    Bjos,

    Ligia Policiano

    ResponderEliminar
  71. Boa sorte, menina!

    ResponderEliminar
  72. Anónimo6.4.13

    Deus tem o melhor pra você! Se agarre nele!

    ResponderEliminar
  73. Boa sorte na sua caminhada, Carol.

    de joelho fudido, de coração partido, chovendo, com saudade...só continua caminhando. Não pare.

    ResponderEliminar
  74. Continua caminhando, e boa sorte.

    De joelho fudido, de coração partido, com saudades...só continua caminhando e pronto.

    ResponderEliminar
  75. Carol, Deus tem um propósito na sua vida! Não duvide disso!
    Pode ter certeza que algo muito melhor está por vir e pra isso muitas vezes temos que perder algo pra que o melhor possa tomar de conta!

    Sucesso e vai dar tudo certo! Pode ter certeza!

    beijo querida!

    http://achadosdabrunna.com.br/

    ResponderEliminar
  76. Bianca6.4.13

    Carol você vai vencer essa pequena fase! Acredite em você, em Deus e no seu potencial, conseguiu chegar até aqui, agora é bola pra frente e mais conquistas.

    ResponderEliminar
  77. Carol,

    "No mesmo instante em que recebemos pedras em nosso caminho, flores estão sendo plantadas mais longe. Quem desiste não as vê."

    Shakespeare

    Força!

    "Pode até parecer fácil, mas não o é. Nesse tempo, descobriremos que esperar é mais difícil do que agir. Essa atitude é para pessoas corajosas. Esperar sem perder a alegria é só para quem tem Deus no coração..."

    “Quando estiver em dúvida, apenas dê o próximo pequeno passo."

    Estou torcendo por você!

    "Eu não tenho muitas respostas. O que eu tenho é Fé. E uma vontade bonita, toda minha, de crescer..."

    Ana Jácomo


    ResponderEliminar
  78. Anónimo6.4.13

    Caroles,você me cativou com toda essa sinceridade e esse estilo 'Carol' de ser ( Toda Carol que eu conheço é incrivelmente especial,mágica,linda,louca,divertida e intensa)
    Mulher,tu se garante!
    #carolarrasa #carolsegarante #carolnasorte #carolnomundo #carolnasvidas
    #carolvaicomtudo #carolbuscaafelicidade

    Mells

    ResponderEliminar
  79. Anónimo6.4.13

    Carol, moro em Recife há 22 anos e quando vc saiu daqui fiquei triste pois adorava acompanhar os seus achados na cidade. Mas, ao mesmo tempo fiquei muito feliz, pois achava que no Rio vc teria muito mais oportunidades. Hj lendo o seu texto pude sentir um pouquinho da sua angustia. Acho que vc deve dar um tempo por aí, porque inteligência e força de vontade não lhe faltam. Tente, tente mesmo, não desista...gaste os últimos segundos do seu tempo e os últimos centavos do seu bolso, vá até o seu limite. Se der certo e algo de muito bom acontecer, excelente! Se der errado,será mais um aprendizado e mais forte vc ficará. Um coisa é muito certa: seus leitores estarão com vc no Rio, Recife, São Paulo ou em qualquer cidade que tenha a sorte de ter uma moradora tão linda(por dentro e por fora) como vc. Bjos

    ResponderEliminar
  80. Carol, quando a gente tem o que é mais importante, todo o resto é resto. Boa sorte no que quer que você decida :)

    ResponderEliminar
  81. Gata, vc é puro sucesso!! Com certeza vai dar tudo certo!!

    ResponderEliminar
  82. Me identifiquei tanto com a sua situação, Carol... estou num momento parecido, em que acabei de me formar e preciso decidir pra onde vou seguir... não desanime, permaneça forte, as coisas se ajeitam. Obrigada por esta bela reflexão, me serviu muito bem. Grande beijo e boa sorte!

    ResponderEliminar
  83. Terminei o texto sem fôlego. Não sei bem o que dizer sem repetir tantas coisas lindas e adequadas que já foram ditas nos outros comentários. Mas uma coisa é certa: você é uma pessoa extremamente talentosa e iluminada, sua boa energia contagia e conquista todos que têm qualquer mínimo contato com você (vide a porção de leitoras comovidas com esse relato sincero e emocionante). E pessoas assim vão longe. Independente da sua escolha, você vai longe.

    Beijos e sorte.

    ResponderEliminar
  84. Arrepiei. Um beijo carinhoso e um abraço apertado, daqueles que aquecem o coração <3

    ResponderEliminar
  85. Arrepiei. Um beijo carinhoso e um abraço apertado, daqueles que aquecem o coração <3

    ResponderEliminar
  86. Carol, lindona, tenho certeza que tudo vai dar certo pra ti, não importa onde você for.

    Se não quiser ir pro bar sozinha, me chama que a gente divide a cerveja e a solidão. :)
    Você é inspiradora.

    beijos,
    Ju
    http://www.temnomeuquintal.com/

    ResponderEliminar
  87. Anónimo6.4.13

    Você se despiu e foi sem dúvida o seu mais belo figurino no blog. Uma pessoa como você nunca está de fato sozinha... Mantenha a mente aberta, tudo vai dar certo.
    Bjos, Roberta.

    ResponderEliminar
  88. Anónimo6.4.13

    Carol, nunca comentei, hoje me sinto a vontade.

    Daqui 20 dias vou embora da minha cidade para assumir um cargo público em um concurso que passei.
    Deixo minha família e meu marido....
    Vou começar tudo do zero, e ao mesmo tempo que tendo medo, tenho curiosidade pelo desconhecido.
    Embora não seja a primeira vez que vou embora, só que dessa outra vez eu voltei.

    Já ouvisse dizer que quando uma porta se fecha, outra se abre?

    Deus só pode nos dar algo melhor se nos tira o mais ou menos.

    Seria hipócrita se dissesse a você para seguir seu coração, pois raras São as vezes que eu sigo o meu.

    Melhor te dar um conselho que eu uso para mim, sendo mais honesta como você está sendo.

    " para lhe dar consigo mesmo use a cabeça para lhe dar com os outros, use o coração"

    Afinal acho hipócrita essa coisa de "conselho não se da", não vivemos tempo suficiente para cometer todos os erros sozinhos, então as vezes é bom aprender com os erros do outros.

    ResponderEliminar
  89. poxa.... que triste! Mas tudo que acontece na nossa vida tem um propósito! Se a minha agência de publicidade estivesse aberta já, certamente te ofereceria uma vaga, hahah

    Força e que Deus te abençoe.

    ResponderEliminar
  90. Ontem tentei deixar um comentário aqui duas vezes, pelo celular, e não consegui... espero que agora eu consiga! Já vou pra minha terceira tentativa (isso é que é vontade de comentar um post, viu! kkkkkkk), apenas para dizer que também estou na torcida para que dê tudo certo em sua vida, seja lá qual for a escolha que você faça.. E tá vendo todos esses comentários? Dá pra perceber que tem muita gente que te admira e te quer bem, né? Com certeza você não está sozinha. Quantas pessoas você já conquistou e estão espalhadas por esse Brasil (e pelo mundo) a fora! Sei que família é insubstituível e tem vezes que tudo que a gente quer é um colo. Mas também sei que quando chega aquela hora de sair do ninho e descobrimos o nosso próprio lugar, nem sempre ele é tão perto das pessoas que a gente mais ama. É difícil, mas cada um tem sua história, sua trajetória. Então, siga o seu coração e os seus instintos e tenho certeza de que tomará a melhor decisão. Você é inteligente, sabe se expressar super bem, tanto através da escrita, como através da sua arte, do seu estilo... É uma das meninas mais talentosas que eu "conheço" (mesmo que apenas virtualmente, já considero como se te conhecesse!). Não tenho dúvidas de que há um horizonte lindo e cheio de oportunidades a sua frente. Boa sorte! Bjao!

    ResponderEliminar
  91. Carol!
    Estamos juntas...não desista!

    ResponderEliminar
  92. Carol, na vida tudo que vem fácil não tem o mesmo gosto do que "sofremos" para conquistar. Esse Blog te leva a lugares mais longe do que você pensa e tenho certeza que em breve vc conseguirá algo que te realize e te faça feliz e alegre (como sempre foi) novamente!!! Me orgulho de saber que ainda existem pessoas como vc..e que com o seu Blog vc já ajudou mtas meninas que vivem na mesma situação que a sua...Agora é hora de retribuir...em breve vc conseguirá o que quer, tenho absoluta certeza!!! Bjos linda!!

    ResponderEliminar
  93. Anónimo6.4.13

    Carol,tenho seguido seu blog a pouco tempo, mas já percebi a pessoa inteligente e capaz que você é... Só vc sabe o que é o melhor pra vc, porque o melhor é muito diferente de uma pessoa para outra. Pare, pense, reflita e pense de novo nos caminhos que vc pode seguir e como eles serão no fim, e então finalmente decida o que fazer...Seja feliz!
    Beijo,
    Carol (também)

    ResponderEliminar
  94. Boa Sorte Carol!!

    Estou torcendo por vc. Sei que vai dar tudo certo.

    Tenha foco, força e fé!

    ResponderEliminar
  95. Lindo texto Carol!! Boa sorte nos novos planos!! Torço por vc!!
    Beijos

    ResponderEliminar
  96. Bárbara :)6.4.13

    Até me emocionei....
    Vai dar tudo certo, gata ;)
    Beijao!

    ResponderEliminar
  97. Carol, passei pela mesma situação que vc! Juro que só falar que vai dar certo, com certeza não abrirá uma porta na qual terá uma pessoa do Rh de uma empresa que vc tanto amaria trabalhar com um lindo e gordo contracheque! Mas posso te falar? Nada, absolutamente nada, ocorre por acaso...se esta onde esta, é simplesmente pela razão de ser e de significar algo...não tenha medo - ou tenha um pouco, se quiser - mas saiba, logo ali, depois da chuva, haverá um sol brilhando pra você!!! Não da forma que vc imaginou ou tanto quis, não do jeito que você tanto sonhou....mas haverá a chance, e vc terá que escolher!!!! Seja paciente, olhe sempre pra frente, pense positivo e tenha fé...ela moverá o que for necessário para que tudo se acerte!!!! Desejo que vc se encontre e seja imensamente feliz...........

    ResponderEliminar
  98. Carol, passei pela mesma situação que vc! Juro que só falar que vai dar certo, com certeza não abrirá uma porta na qual terá uma pessoa do Rh de uma empresa que vc tanto amaria trabalhar com um lindo e gordo contracheque! Mas posso te falar? Nada, absolutamente nada, ocorre por acaso...se esta onde esta, é simplesmente pela razão de ser e de significar algo...não tenha medo - ou tenha um pouco, se quiser - mas saiba, logo ali, depois da chuva, haverá um sol brilhando pra você!!! Não da forma que vc imaginou ou tanto quis, não do jeito que você tanto sonhou....mas haverá a chance, e vc terá que escolher!!!! Seja paciente, olhe sempre pra frente, pense positivo e tenha fé...ela moverá o que for necessário para que tudo se acerte!!!! Desejo que vc se encontre e seja imensamente feliz...........

    ResponderEliminar
  99. Anónimo6.4.13

    Guria, q invejinha (branca se é q existe isso!)do teu dom da escrita. É pelo prazer de ler teus textos, e nem tanto pelos looks, q eu assino teu blog. Pela maturidade e o talento demonstrado, tenho certeza q, seja ilustrando ou escrevendo, montada no salto ou rente ao chão de sapatilha, darás certo em qualquer lugar. Quem sabe numa dessas curvas do destino não aterrizas aqui em Porto Alegre?? Força na peruca amiguinha! Bjs Marinez

    ResponderEliminar
  100. Ilonna6.4.13

    Um dia eu quero te conhecer, e tomar umas caipiroscas, rs! E esse encontro quase podia ter acontecido, pq sou de Recife, mas estive no Rio agora em março, e uma semana antes vc saiu com Junior, q é meu ex e Leandro, um amigão meu, q me hospedou por aí!

    Só espero que tudo valia a pena, e as oportunidades apareçam!!! Boa sorte!!
    Bjos!

    ResponderEliminar
  101. Olá Carol!
    São tantos os comentários de tanta gente que se identifica com o que está vivendo que pensei duas vezes antes de escrever.
    Estamos na mesma situação. Dizem que tudo fica mais fácil quando você for a sua melhor companhia!
    Hoje arrumei minhas coisas pra ir embora e não fui porque tenho compromisso mas vontade não me falta. Moro em Vitória E-S com minha tia e minhas primas, mas não pense que isso deixa as coisas mais fáceis. Aqui é cada um por si. Cada qual com sua vida. Bom, eu, eu sobro. Já fiquei doente por causa disso, hoje me controlo. Respiro fundo e tento encarar. Mas tenho a vontade de pegar as coisas colocar na mochila e sair sem destino. Tenho vontade de gritar quando me diminuem ou ofendem com palavras mas me calo por respeito.
    Continua firma aí menina! Vou te incluir nas minhas orações apesar de não saber se é católica.
    Força!! Força!!
    Que Deus te ilumine nos seus passos.

    Abraço!

    ResponderEliminar
  102. Anónimo7.4.13

    Chorei com seu texto. Torço muito por você e não se esqueça que depois de uma tempestade o sol sempre volta a brilhar.
    Bjos Rafaela

    ResponderEliminar
  103. Nayla Fargnoli7.4.13

    Nada é por acaso nesta vida, tudo tem propósito, grandes ensinamentos. Coisas ruins acontecem para outras tantas maravilhosas virem a acontecer. Ergue essa cabeça muié, vai em frente! Muito sucesso está por vir. Grande abraço!

    ResponderEliminar
  104. Mary7.4.13

    Carol tou passando pela mesma coisa e ainda por cima o homem que amo me deixou o pior disso tudo é que eu estou muito depressiva mas vamos superar isso eu aqui em recife e vc ai no rio.Estou pensando em viaja pro rio mês que vem.Preciso colocar minha vida no lugar.

    ResponderEliminar
  105. Lígia7.4.13

    Por isso gosto de visitar seu blog Carol, você é muito sincera e não vive na terra do faz de conta como tantas outras blogueiras! Carol é gente como a gente. E por isso te desejo toda sorte do mundo, e torço muito que você descubra novos caminhos e projetos para sua vida. Se eu estivesse na cidade maravilhosa com certeza estaria nesse dilema que você se encontra...Beijos e boa sorte lindona!

    ResponderEliminar
  106. Anónimo7.4.13

    Carol, simplesmente chorei com seu texto. Uma emoção. Lindo! Vim p SP ha 10 anos e tive varios desses momentos de nao saber p onde ir, mas eu nunca quis fazer as malas e voltar p a casa dos meus pais. Nunca. Se vier p SP, quero muito poder te conhecer e conversar c vc. Paz e luz no seu caminho! bjs. Juliana

    ResponderEliminar
  107. Priscilla7.4.13

    Lindoca, parabéns pela honestidade... é ela me traz aqui quase todos os dias para saber das coisas, ler seus textos. E, força, é isso, não tem jeito. Eventualmente, o vento cessa, e permanece somente uma brisa leve... como você. Um beijo

    ResponderEliminar
  108. Poxa Carol, mais um texto lindo e verdadeiro. Não acho que este seja um blog de moda, para mim é um blog de arte, em todas as suas formas de expressão. Sou tua fã, sempre, e estou na torcida para tudo se encaixar de novo. Beijos, Tagi.

    ResponderEliminar
  109. Carol, siga seu coração, sua intuição...Mesmo que no momento você não tenha certeza se isso é o certo a fazer e qual o resultado disso.Quando você decidiu deixar sua cidade, família e amigos em busca de novos horizontes,sabia que seria bom pra você, mesmo com aquele "nó na garganta" ao deixar pra trás seu porto seguro.A vida é feita de altos e baixos.A maneira como vamos proceder com essa "gangorra" é o mais difícil, eu sei.Tô vivendo essa gangorra nesse momento.Mas estou no chão.Tô passando por um momento extremamente difícil,onde meus melhores amigos têm sido o cigarro e o Rivotril.Tenho até vergonha de confessar isso.Tô perdida,sem saber o que fazer ou pra onde ir, mesmo com minha família e amigos por perto.Vivo uma solidão "acompanhada".Aos poucos tô aprendendo e, principalmente, me conhecendo.É uma batalha minha,só minha.Cada um tem a sua,não importa o quão grande ela seja.E eu tenho certeza que, tanto você quanto eu, venceremos nossas batalhas...

    Te desejo toda sorte do mundo e força,muita força!Você é mais forte do que imagina!!

    Beijos pra aquecer seu coração despido,porque ele não pode ficar com frio...

    ResponderEliminar
  110. Thai7.4.13

    Meu Deus, Carolayne, q texto! Tu sabes q eu AMO esses teus textos reflexivos, né? pqpp!! sou tua fã!!! (tu tb já sabe disso! e eu vou parar por aqui pq eu falo sempre a msm coisa! aahahaa)


    ó... vc sabe q vc é a única responsável pelas suas escolhas,né? Então, seja lá o que você decidir, decida pelo que faz o SEU CORAÇÃO vibrar! Esquece a mente, o óbvio! É no coração q está a tua essência!!!

    bjo em tu!!!
    Luz!

    ResponderEliminar
  111. Celeste7.4.13

    Hola! Sou de Buenos Aires e adoro o teu blog!!! Besos desde Argentina!!

    ResponderEliminar
  112. Carol minha xará,

    Toda força e positividade pra vc nesse momento chato. Mas saiba que para os fortes, isso é só um vento, não é nem tempestade. Vc vai conseguir dar a voltar por cima!!

    bjos,
    Carol

    ResponderEliminar
  113. Não gosto muito de comentar em blogs apesar de um dia ter tido um e adorar comentários, hahahaha, mas andei lendo umas páginas do seu e é realmente muito bom ler seus posts, já acompanhem uma parte da sua mudança pro Rio e realmente é muita coragem vir pra cá sozinha!
    Independente do que você decida agora, decida com o seu coração desnudo e nunca esqueça que você já provou para si mesma que é mais forte e capaz do que imaginava.

    beijos e espero que coisas melhores venham pra você =]

    Flávia

    ResponderEliminar
  114. Nossa Carolzinha...
    Esses dias lembrei "Nossa fez um ano da Carol no Rio, no emprego novo, como passou rápido!".
    Aproveita essa pausa e vai visitar tua mãe, aproveita que ainda não entrou em outro trabalho, depois quando voltar ai vc resolve e "bota tudo no lugar".
    São Paulo é um ótimo lugar para se conseguir emprego, não deixe o medo tirar seus objetivos, se for profissional vai em frente!

    Beeijão e força!!!!

    Evylin

    ResponderEliminar
  115. Carol, meu coração, também de bússola, me levou a São Paulo. Apesar de ter muitos amigos e uma prima lá, entendo bem todo seu relato sobre estar sozinha. Além de fazer tudo sozinha, enfrentei uns pequenos problemas no último mês(meu notebook queimou a placa mãe)e fui assaltada no mesmo mês. Precisei resolver umas coisas sozinha, fiquei abatida e dia 20 fui demitida, sai com uma mão na frente e outra atrás. O meu grande consolo foi ter ouvido algo que me deixou feliz: "Preciso de mais técnicos e você é muito criativa". Por sorte ou destino, sei lá...depois de dois anos que fiz um concurso público em Recife, me chamaram pra assumir em menos de 15 dias, foi uma decisão muito dolorosa, pois eu amava morar naquela cidade,fui muito insistente por uns dias querendo ficar e ainda apareceram boas oportunidades pra mim. Amanhã assumo o primeiro dia no novo trabalho.
    Tente ficar no Rio, mas se não der vai pra Sampa que é logo ali e ainda tem Recife!
    Você é uma ótima profissional e referência pra muita gente :)
    Boa sorte, estou torcendo por você :)

    ResponderEliminar
  116. Thai7.4.13

    Carolayneee!! esqueci de dizer q VAI DAR TUDO CERTO, visse?! Aliás, SEMPRE está tudo certo!!!! Nem se aperreia!!!!! Apenas respire e ouça o seu coração! =))))

    ResponderEliminar
  117. Boneca.... so posso dizer uma coisa: Vc eh corajosa!!! Entao, força na peruca mulher... que nada e nem ninguem te derruba!!!!

    ResponderEliminar
  118. Você acha que com seus talentos múltiplos (pinta muito, escreve pra kct, fotografa bem e é mega criativa/criadora) você vai ficar fora do mercado por muito tempo? Aproveite essas suas férias, cuide da sua saúde e recarregue suas energias pois vem muita coisa por aí. Sei que dá um desânimo, uma insegurança e tal, mas esse é o mundo marlboro dos adultos Daqui a um tempo, você vai ler seu post e os comentários durante uma reunião de trabalho ou numa palestra para mostrar como se iniciou sua trajetória vitoriosa. Bjs da sua governanta luso-alemã com intuição de Mãe Dinah, Manu.

    ResponderEliminar
  119. Você acha que com seus talentos múltiplos (pinta muito, escreve pra kct, fotografa bem e é mega criativa/criadora) você vai ficar fora do mercado por muito tempo? Aproveite essas suas férias, cuide da sua saúde e recarregue suas energias pois vem muita coisa por aí. Sei que dá um desânimo, uma insegurança e tal, mas esse é o mundo marlboro dos adultos Daqui a um tempo, você vai ler seu post e os comentários durante uma reunião de trabalho ou numa palestra para mostrar como se iniciou sua trajetória vitoriosa. Bjs da sua governanta luso-alemã com intuição de Mãe Dinah, Manu.

    ResponderEliminar
  120. Me identifiquei muito com seu texto, no momento passo quase pela mesma situação, mas fique tranquila que vai dar tudo certo, e logo logo tudo isso será só uma lembrança. Que Deus te abençoe!

    ResponderEliminar
  121. Esse seu texto mexeu muito comigo. Recentemente, troquei Curitiba pelo Recife, para ficar junto da família, viver novos mundos, novas experiências. Mesmo não estando sozinha, a distância dos amigos é algo absurdamente impactante. Me sinto muitas vezes sem chão no Recife. Mas acredito que logo isso passará. Que é uma fase de adaptação. E, acompanhando você há bem mais que esse ano que passou, acredito que logo você encontrará seu lugar tranquilo. A sua vivacidade a torna inquieta e isso é maravilhoso. Seja onde for, acharemos nosso caminho. Acredito que nossas escolhas nunca são por acaso. Sorte grande para nós! Um beijo, Carol.

    ResponderEliminar
  122. Nossa, esse texto me tocou, estou assim, meio sem direção também e sem nenhuma ideia do que vou fazer.
    Queria te dar um abraço e chorar com você, mas se sinta abraçada e desejo que as coisas se resolvam da melhor maneira possível.
    Eu adoro sua alegria e coragem e me inspiro muuuito nisso.
    Bjooo

    ResponderEliminar
  123. Roberta8.4.13

    Conheci seu blog meio que sem querer a uns meses, e já é um dos meus favoritos, sempre passo para ler!!! Adoro o jeito que você escreve e seu estilo, um arraso sempre!!!!
    Força na peruca ai que a vida é isso, momentos bons e outros não tão bons assim! Beijos

    ResponderEliminar
  124. Quero pedir sua autorização para mostrar este texto para meu marido. Porque ele precisa de exemplo como o seu para acreditar na luta pela sobrevivência não só por uma questão de grana, mas por uma questão de realização pessoal e da alma. E te agradeço por existir em minha vida. Você simplesmente me inspira.
    Beijo e sucesso! Sempre confie em seu coração e seus sonhos!

    ResponderEliminar
  125. Anónimo8.4.13

    Carols,
    Li esse texto ontem, pelo celular pq tô sem internet em casa, tentei e não consegui enviar um comentário por conta da bagaça (te imitando) do 3G da Claro!

    Enfim, assim como todas as pessoas que por aqui já passaram eu me emocionei com suas palavras. Me senti tocada pela sua coragem e maturidade. Sou mais velha que vc e me sinto uma frouxa por não conseguir dar cabo de tantas coisas que deveria fazer, por fraquejar em tantos momentos e por ter um apego às pessoas que sinto que as vezes me impede de voar mais alto.

    Ficaria por muitas linhas refletindo sobre minha vida a partir do seu desabafo, mas não cabe aqui.

    Pode ser meio piegas dizer isso, mas nem sempre vem de perto da gente as palavras e o aprendizado que precisamos absorver, o incentivo que precisamos ter e o exemplo que devemos seguir. Você nunca me olhou nos olhos, mas mudou com singeleza e amizade minha maneira de ver e viver algumas coisas. É por isso que gosto muito de ti e te desejo o melhor da vida, de coração. Vá seguindo, você pode!

    Um beijo.
    Luana Batista

    ResponderEliminar
  126. Depois desse texto, minha preguiça foi para os ares e resolvi que iria passar a responder tudo aqui. Te acompanho fazem anos e saiba que sou sua fã não só no aspecto blog x visual... e sim como pessoa, mesmo sem te conhecer. Sou da mesma área q vc e no que eu puder ajudar anote meu email mabux8@gmail.com e conte comigo. E digo contar mesmoooo, não de vir aqui apenas soltar palavras e sim de o braço amigo pro q precisar... talento vc tem e achar algo será fácil. Boas energias e vamos passar essa fase, e dela vc irá tirar ainda mais amadurecimento e aprendizado. Um beijão e não exite na ajuda!

    ResponderEliminar
  127. Anónimo8.4.13

    To torcendo por você!!!! Seja Feliz!!! Vc a partir de hj entrará nas minhas orações. bjooo

    ResponderEliminar
  128. Carol,
    Conheci seu blog assim a toa, sou dessas que gosto de navegar pelas páginas da internet e de repente dá de cara com uma escrita autêntica, corajoso, mais "gente como a gente" do que muita blogueira por aí.
    A vida é feita de fases, sabe? Há 1 ano fui demitida do emprego dos meus sonhos, que ganhava bem, que me divertia, que tinha um time completo e unido. A área que eu trabalhava aqui no Rio tinha acabado e todos foram demitidos, uma merda. Deu para demorar perceber o que eu realmente queria, sabe. Era uma empresa grande? Empresa pequena? Até hoje não sei.
    Hoje sou do departamento de marketing de uma produtora famosa, com nome, me desdobro em mil tipo você, ganho menos, mas sou muito mais feliz. Tem que ter coragem para tomar decisões na vida mas isso faz parte de crescimento e da felicidade de nos ver realizadas.
    Boa sorte nessa nova empreitada, muita coisa boa vem pela frente. As vezes as coisas boas terminam para que ainda melhores possam começar.
    E uma dica de um site que eu sempre entrava e descolei muitas entrevistas: trampos.com! Tbm tenho um grupo no facebook com mais de 1.000 profissionais que volta e meio postam vagas super legais na sua área de designer.

    Bjs!

    ResponderEliminar
  129. Anónimo8.4.13

    Toda semana, passo por aqui pra dar uma olhada. ótima escrita, dicas, humor, distração e reflexões. Neste texto,o dom de imaginarmos o cenário, causar empatia e o misto de angustia e esperança. Visito há um bom tempo e no decorrer da leitura, foi inevitável pensar... que triste e que interessante. Triste pela dor que te causa. Interessante por termos a ilusão de que vives sempre sorrindo, n há tempo ruim. Melhor ainda, é que essa coragem e desnudamento aqui, não é entendido de forma abusiva, te faz humana. Confesso que a cada frase, pensei: uma fase! Necessária, misteriosa, mas apenas uma fase e que já já vou ler acerca dos aprendizados, emoções, resiliência, bom humor. Contagias com a moda, com o bom humor e porque não deixar o primeiro post?\o Positividades ;) bjs Hil

    ResponderEliminar
  130. que lindo! por isso que eu gosto tanto do seu blog: pq ele é tão pessoal e honesto. parabéns por ser essa linda mulher, Carol. tenho certeza que muitas pessoas te admiram, inclusive eu. Fica tranquila que com todo o teu talento e carisma, tu consegues um emprego rapidinho. bjs

    ResponderEliminar
  131. oi carol, estava a caminho da agência e com todas as coisas que estão acontecendo por aqui - me veio vc na cabeça. Acho que porque li seu texto ontem e me lembrei de quando passei pelo o que vc está passando agora. Queria que vc escutasse estas três músicas que mando o link - sim, música. Porque para mim a música tb é uma forma de cura, de encontrar forças e respostas. Escute na sequência, ok.
    1ª música - Meu Mundo É O Barro [O Rappa]:https://www.youtube.com/watch?v=T4CNo_KOkCg essa aí eu escutei quando sai de um trampo a anos atrás.
    2ª música - Lado B Lado A:https://www.youtube.com/watch?v=ZHCtbJZ0TYA para te dar força.
    3ª música - https://www.youtube.com/watch?v=fgT9zGkiLig essa é para te inspirar.
    Há anos um cara que me ensinou muito profissionalmente me disse uma coisa que eu carrego até hoje e em dias transitórios com estes me faz olhar para frente com um brilho no olhar... "LUTO POR PERDA E AQUISIÇÃO" luto: porque vc está deixando de ser aquela pessoa que você se sente tão a vontade e luto: porque você vai lutar para se tornar uma pessoa melhor, para se transformar. E assim a vida segue nesta loucura cotidiana. Espero que vc escute as músicas e que o que eu escrevo aqui te ajude de alguma forma. O universo conspira a nosso favor. um beijo no coração

    ResponderEliminar
  132. Anónimo9.4.13

    Carol, li o post. Deu aperto no coração. Deu vontade de ir na agencia q vc trabalhava e dizer: tão maluco? O sobrenome da Carol é composto: Carol talento sucesso amor de Burgos.
    Esta combinação é felicidade na certa!
    Ai passou a revolta! Tive vontade de fazer um bolo e um chocolate quente pra ti. Tive vontade de ligar pra Farm e dizer: corre que a Carol ta disponível! Tive vontade de escrever pra vc por carta e vc receber o meu bem querer!
    Vontade de dizer: tudo passa e vc, como essa arvore, tem folego e coracao pra seguir em frente no seu caminho de luz e graça!
    Bjos

    ResponderEliminar
  133. Camilla Toscano9.4.13

    Carolzita! Já me sinto íntima, hahaha.
    Acompanho o seu blog já faz um tempinho, mas essa é a segunda vez que eu comento. Adoro a forma descontraída e alegre com a qual você escreve. Me identifico muito e não é surpresa que me identifiquei hoje também, rs. Achei confortante ler alguns comentários com histórias tão diferentes, mas com sentimentos tão iguais. Vou compartilhar a minha também: estou insatisfeita com o rumo da minha vida profissional e isso tem me deixado por muitas fezes infeliz. Tenho 22 anos, sou formada em administração e trabalho na área comercial de TI (Uhuuuul! Super divertido, só que não...). Mas eu gosto de arte, coisas criativas e femininas! A mudança para melhor não se faz sozinha a gente tem que fazer ela acontecer. Ok! Mas por onde começar? Esse é o meu ponto. Eu não sei direito o que eu quero, então por onde eu começo? hahahaha. Eu não quero TI, acredito que já é um começo, rs. Enfim...
    Gosto muito de você, depois de tantos comentários nesse post, deu para você perceber o quanto é querida e cativante. Apesar de não comentar em todos os posts estamos aqui Carol (-:
    Minha criação também foi no estilo cigana, rs, no começo foi difícil aceitar e desejava ter uma família "normal". Com o passar do tempo percebi que nenhuma família era normal, todas tinham seus problemas e diferenças e que se não fosse a peculiaridade da minha eu não seria quem eu sou hoje. Já morei só com a minha mãe, só com o meu pai, com os dois e com os meus avós, no interior, na praia e na cidade grande. Hoje moro em SP com o meu namorado, dividimos as contas, o amor, as tristezas e as alegrias.
    Estou recuperando a minha fé em mim mesma e no meu potencial. Quero e preciso fazer isso por mim mesma! Acredito que se você desejar com todo o seu coração o universo vai te ouvir e vai conspirar a seu favor. Mas meu irmão mais velho me disse uma vez: "cuidado com o que você deseja, pode realmente se tornar realidade". Então deseje com cuidado, conciência e coração!

    Vai dar tudo certo linda!
    Super beijo

    ResponderEliminar
  134. Passei por uma situação parecida há mais ou menos 1ano. Morava no rio há 13 anos e resolvi voltar pra minha cidade. Só que ao contrario de você, meu trabalho e meus amigos estavam aí! Amo o Rio. Mas precisei abrir mão para evoluir. Infelizmente a gente sempre tem que abrir mão de uma coisa por outra. O Rio tem pessoas maravilhosas e vou vai fazer amigos maravilhosos! Busque sua felicidade!! E se ela estiver aí, realmente fique aí!!! Beijos e boa sorte!!

    ResponderEliminar
  135. Passei por uma situação precedida há quase 1 ano. Vim embora do rio, após 13 anos, mas meu trabalho e amigos estavam aí! As vezes é preciso mudar para evoluir e infelizmente abrir mão de algumas coisas. Se o melhor pra você é aí, fique aí!! Tem pessoas maravilhosas e você vai reconhecer amigos. Você parece ser muito especial!! Beijos e boa sorte!!!

    ResponderEliminar
  136. Ah linda, com o coração tão precioso e uma mente tão criativa voce pode estar aonde quiser, que o seu caminho será deveras abençoado! beijo e sorte

    ResponderEliminar
  137. Ah linda, com o coração tão precioso e uma mente tão criativa voce pode estar aonde quiser, que o seu caminho será deveras abençoado! beijo e sorte

    ResponderEliminar
  138. Cláudia Bastos9.4.13

    Carol, acompanho vc há tempos, sou sua fã e olha, nem gosto muito de blogs. São selecionadíssimos os que leio. Porém, vc me conquistou com sua garra, força, beleza (interna e externa)... faça o que seu coração manda, tenho certeza que com seu talento, vc vai longe! Sucesso, querida, amor, paz, fé! Bjs da amiga que torce por vc: Cláudia Bastos.

    ResponderEliminar
  139. Anónimo9.4.13

    Carol, estive viajando e estou meio desatualizada do blog. Provavelmente vc deve estar bem melhor agora.
    Mas, não se sinta só, viu? Eu tbm vim para o Rio tentar a vida e já me senti assim como vc, meio sem eira nem beira. Moro sozinha tbm, levamos o mesmo estilo de vida (mais ou menos).
    A vontade que tive foi de te abraçar, te dar a mão e fazer companhia nas suas sessões solitárias de cinema. Nós, suas leitoras assíduas, estamos aqui com vc! A gente vem te visitar todo dia pq seu astral contagia, pq é divertido te ler e ver suas fotos. Desanime não, logo vai encontrar teu rumo de volta.
    Bjs no coração! <3

    Gabriela Elmokdisi

    ResponderEliminar
  140. Roberta10.4.13

    Carol, sou de Recife, tenho um amor inexplicável pelo Rio de Janeiro e uma grande admiração por você, em diferentes proporções. rs...
    Acompanho seu blog há um certo tempo, sem saber precisá-lo, e digamos que vivo um pouco da sua carioquisse acompanhando isso aqui.
    Admiro muito sua coragem, pois sou daquelas que não saem da zona de conforto e tenho certeza absoluta que perdi/ perco e perderei (caso não mude) coisas maravilhosas que só o desconhecido proporciona.
    O que quero dizer com tudo isso? Quero dizer que: foram tantas experiências, tantos medos vencidos, tanto crescimento que tenha certeza... você está no lugar certo, pois seu coração por mais doído que esteja se sente bem aí. Essa cidade ainda vai te proporcionar muita coisa boa, acredite.
    Eu sinto paz quando chego nessa cidade. Uma sensação indescritível que me faz sorris descontroladamente. Espero que você sinta o mesmo. Essa cidade te reserva muito sorriso no rosto.
    Um beijo de uma desconhecida torcedora. :)

    ResponderEliminar
  141. Que lindo!
    Me apaixonei pela forma que você escreve, tão sincera... ainda mais hoje, que todos querem apenas mostrar em seus blogs, ou redes sociais o quão perfeitas são suas vidas.

    Parabéns! (:

    ResponderEliminar
  142. ADOREI, muito lindo!!

    http://tblackdiamond.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  143. Anaísa10.4.13

    Carol, nunca comentei por aqui, mas confesso que amo seu blog.
    Admiro muito seu jeito de se expressar, seja no estilo ou nas palavras. Aliás, sou apaixonada pelas palavras... e se a sua profissão não der certo, comece já a escrever...sua vida linda daria um livro espetacular.
    Os bons ventos chegarão!
    É orar, agir e confiar!
    Fique com Deus!
    Anaísa

    ResponderEliminar
  144. Anónimo11.4.13

    Carolzinha... acho que nunca comentei no seu blog antes, mas esse post me fez parar para fazer isso!! Tem muitos momentos em que me sinto perdida e sozinha (mesmo com tantas pessoas queridas perto). E me identifiquei com tudo o que vc disse (acho que a maioria das pessoas se identifica). Esse momento que vc está passando com certeza não é fácil, mas pode ter certeza de que eu e muitas outras leitoras estamos aqui com vc, mesmo que seja só pelo computador! Vc e seu blog me inspiram, me inspiram a ser quem eu sou, a buscar o que eu quero e principalmente a me arrumar para sair por ai hehe Pode ter ctza que vc está ajudando centenas de meninas a serem mais felizes!!!!

    ResponderEliminar
  145. Oi Carol. Não tem muito tempo que descobri seu blog e já me identifiquei tanto. Eu vivo em um lugar que eu sei que não tenho futuro e o meu sonho é ir para ai. Eu, mesmo antes, de ir, já sinto isso tudo que você sente. Eu sei pelo o que vou passar, sei que vai ser difícil, mas não quero desistir. Eu quero ir.
    Por favor, não desista mesmo. Pode ser meio ridículo, mas tenho em você um modelo e saber que você consegue, me deixa tranquila. Vou conseguir também.
    Não se preocupe que tudo vai dar certo. Sempre dá.

    "after the storm, life will reborn again" :)
    Beijos, Tati.

    ResponderEliminar
  146. Gaby Coelho16.4.13

    Carol, acompanho o seu blog há tanto tempo e nunca comentei aqui... Mas me vejo em vc em tantos momentos...
    Sei que vc vai dar a volta por cima e com esse seu enorme talento, carisma e coração, logo logo vc estará dando a volta por cima!
    Desejo o que há de melhor pra vc :)
    Um beijo!

    ResponderEliminar
  147. Carol,

    Uma salva de palmas para você. Sempre que tenho um tempo, venho aqui ler seus textos, seus posts, indicações. Acima de qualquer outra coisa, você escreve sobre uma moda possível, gente como a gente.

    Nunca escrevi aqui, mas hoje, resolvi escrever e agora escrevo com os olhos brilhando, super emocionada. Assim como você, tive a oportunidade de sair do Recife para viver uma nova fase na minha vida profissional e que me fez entender a pessoa que sou hoje. No meu caso, eu planejei por anos fazer minha pós graduação em Londres e eu consegui viver esse sonho por mais de dois anos. E o melhor nisso tudo foi viver o sonho repleto de uma realidade surrealista, me fazendo crescer como mulher, filha, amiga, namorada e cheia de responsabilidades e contas para pagar.

    Hoje, já estou de volta no Recife. Mas Londres ainda vive no meu coração. Compreendo muito bem tudo o que você descreveu no seu texto e me identifiquei de mais, tanto que meus olhos brilham de emoção nesse minuto.

    Vai em frente, Carol. A razão faz parte da vida, mas de vez em quando a gente deve se permitir seguir o que o coração insiste em nos dizer. Acredite no seu sonho e viva!

    Carpe diem!

    ResponderEliminar
  148. Anónimo20.4.13

    Querida (e vc eh mesmo mt querida, ja percebeu?),
    Deus eh soberano sobre todas as coisas e por mais que n entendamos algo nesse momento, mais na frente percbemos que aquilo de fato deveria ter acontecido.
    Gosto de uma musica que diz que a trama da nossa vida eh cm um tapete sendo construido e o artesao eh Deus. Ele tem o plano e sabe cm o tapete ficara no final, mas nos nao. No final fica tudo perfeito, tudo se encaixa, pois Ele n se engana.

    Seja grata a Ele por tudo, ate pelos momentos de solidao, pois ate ai seu carater esta sendo moldado.

    Fe, alegria e forca sempre. Vai dar tudo certo! Beijo

    ResponderEliminar
  149. Oi Carol! estava lendo os últimos posts (to atrasada) e cheguei neste! meu estou passando por quase a msm coisa, é horrível se sentir meio perdida, sem certeza de alguma coisa... eu me formei em rádio e tv e vim pra uma cidade que não tem mercado...iniciei projetos (www.heartclicks.com.br) para não ficar parada, mas nunca tenho 100% de certeza de q sei o q estou fazendo ou pior: se é isso que amo fazer....

    mas vou levando a vida e espero encontrar logo o que procuro! espero isso pra vc tb! adoro seu blog e sua forma de escrever! vc me fez ter vontade de conhecer (quem sabe até morar haha) no Rio! ainda não deu, mas está na lista! força!

    bjoss
    Carla

    ResponderEliminar
  150. Oi Carol! estava lendo os últimos posts (to atrasada) e cheguei neste! meu estou passando por quase a msm coisa, é horrível se sentir meio perdida, sem certeza de alguma coisa... eu me formei em rádio e tv e vim pra uma cidade que não tem mercado...iniciei projetos (www.heartclicks.com.br) para não ficar parada, mas nunca tenho 100% de certeza de q sei o q estou fazendo ou pior: se é isso que amo fazer....

    mas vou levando a vida e espero encontrar logo o que procuro! espero isso pra vc tb! adoro seu blog e sua forma de escrever! vc me fez ter vontade de conhecer (quem sabe até morar haha) no Rio! ainda não deu, mas está na lista! força!

    bjoss
    Carla

    ResponderEliminar
  151. Carols, tudo vai dar certo. Se quiser me passa seu curriculo que encaminho para alguns amigos em agências aqui no Rio. (tifanic@gmail.com)
    Bjo bjo

    ResponderEliminar
  152. Oi, Carol!
    Tudo bem?
    Quase um ano depois e olha quantas coisas aconteceram após sua decisão.
    A fase das dúvidas, dos caminhos que te levavam as bifurcações já se foram.
    Fico feliz que as coisas tenham dado certo e se Deus permitir continuarão a dar.
    Muito axé em seu caminhar, moça!
    Beijos.

    ResponderEliminar

Subscribe